Inmet passa a divulgar previsões climáticas para os próximos seis meses

Compartilhe

Mais previsibilidade ao produtor rural na hora de semear a safra. A partir de agora, ele passa a contar com a previsão climática para os próximos seis meses, tempo suficiente para completar o ciclo do plantio até a colheita das maiorias das culturas produzidas no Brasil. 

O Serviço é oferecido pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), órgão do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) que está completando 112 anos de serviços prestados à sociedade brasileira. Para a agricultura, essa previsão significa um período maior de preparação entre o plantio de culturas, evitando riscos e aumentando a produtividade. 

“Essa previsão de seis meses vai possibilitar que o produtor rural do futuro possa prever o período do ciclo de safra, vai ser um apoio enorme para o modelo de previsão”, ressalta Miguel Novato, diretor do Inmet. 

A medida é um diferencial para a tomada de decisão do produtor rural. Será possível saber se em determinado ano vai haver uma ou duas colheitas, programar a produção, usar ou não a irrigação, plantar e colher no período certo, oferecendo ao produtor segurança na tomada de decisão. 

Lucas Costa Beber é produtor rural em Nova Mutum, no Mato Grosso e vice-presidente da Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja-MT). Ele cultiva soja e milho no sistema conhecido como sequeiro, que não usa a irrigação, e feijão em área irrigada. Para o produtor, a medida será muito benéfica para o agronegócio. “É importante saber as previsões climáticas principalmente na primeira cultura plantada do ano, no caso a soja de sequeiro, porque através dela você vai fazer a programação para a safra seguinte, como o milho e o feijão, principalmente onde a gente faz irrigado para saber se posiciona o material mais precoce ou material mais tardio”, avaliou o produtor. 

Há mais de 10 anos o Instituto já fornece a previsão climática de três meses, com o Prognóstico Climático Trimestral. “As mudanças do clima estão aí e nós precisamos aprimorar nossos avanços em previsões meteorológicas e previsões climáticas para poder suportar o agronegócio brasileiro”, destacou o secretário-adjunto de Inovação, Desenvolvimento Rural e Irrigação do Mapa, Cleber Soares.

Setor elétrico

O serviço oferecido pelo Inmet vai ajudar também o setor elétrico. Com a previsão climática dos próximos seis meses será possível fazer um planejamento de geração de energia mais preciso, observando o final do período chuvoso. Com uma previsão mais alongada perante uma crise hídrica, por exemplo, é possível reverter ao uso de energia termelétrica até ter uma solução possível.

Inmet

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) completou 112 anos de fundação nesta quinta-feira (18). 

O órgão é responsável por monitorar e gerar informações meteorológicas para a sociedade, elaborar e divulgar a previsão de tempo no país, executar estudos e levantamentos climatológicos aplicados aos mais variados setores da economia, como o setor agrícola e energético e ainda, acompanhar a evolução dos fenômenos climáticos El Niño e La Niña.

 

Inmet passa a divulgar previsões climáticas para os próximos seis meses

O Serviço é oferecido pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), órgão do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) que está completando 112 anos de serviços

Leia também

Maus-tratos a crianças e adolescentes têm aumento de 21% no Brasil

ISABELA PALHARES SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Brasil registrou um aumento de 21% nos casos de maus-tratos...

Mundial: Ana Marcela leva bronze nos 10 km, sua 2ª medalha na Hungria

Pouco mais e um segundo fez a diferença para a campeã olímpica Ana Marcela Cunha na busca do...

50 mil pessoas passaram pela Festa do Produtor Rural de Jaguaré

  Um grande público passou pela 29ª Festa do Produtor Rural de Jaguaré e pela 4ª Feira de Agronegócios,...

Niulva Coelho é eleita Rainha Caipira durante o 1º Arraiá do Projeto Avivar na Escola João Bastos

A noite desta terça-feira, 28, vai ficar marcada pela realização do Arraiá do Projeto Avivar, na quadra da...

INDICADORES: Preço do boi gordo tem queda nesta segunda-feira (4)

A cotação da arroba do boi gordo começou a segunda-feira (4) com alta de 1,72% e o produto...

Passador de gado é construído no Córrego Miracema

Funcionários da Secretaria de Transportes e Estradas da prefeitura de Barra de São Francisco, construíram no último sábado...