Indigenista e jornalista inglês estão desaparecidos na Amazônia

Compartilhe

Montagem com fotos do indigenista brasileiro Bruno Pereira e do jornalista inglês Dom Phillips. Crédito: Divulgação/Funai e Reprodução Twitter/@domphillips

O indigenista brasileiro Bruno Araújo Pereira e o jornalista inglês Dom Phillips, colaborador do jornal The Guardian, estão desaparecidos na Amazônia, segundo o divulgado pela União dos Povos Indígenas do Vale do Javari (Univaja), há mais de 24 horas.

Em nota divulgada nesta segunda-feira (6), a entidade afirma que eles vinham recebendo ameaças e que desapareceram no trajeto entre a comunidade Ribeirinha São Rafael e a cidade de Atalaia do Norte.

TRAJETO E DESAPARECIMENTO

Bruno e Phillips foram vistos pela última vez quando chegaram na comunidade São Rafael por volta das 6h e onde conversaram com a esposa do líder comunitário apelidado de “Churrasco”. De lá, eles partiram rumo a Atalaia do Norte, viagem que dura aproximadamente duas horas, mas não chegaram ao destino.

“Os dois se deslocaram com o objetivo de visitar a equipe de Vigilância Indígena que se encontra próxima à localidade chamada Lago do Jaburu (próxima da Base de Vigilância da FUNAI no rio Ituí), para que o jornalista visitasse o local e fizesse algumas entrevistas com os indígenas”, diz o texto da Univaja.

Eles viajavam com uma embarcação nova, de 40 cavalos, e 70 litros de gasolina, o suficiente para a viagem.

QUEM SÃO OS DESAPARECIDOS

Phillips e Bruno fazem expedições juntos na região desde 2018, de acordo com o Guardian.

Segundo a nota da Univaja, Bruno Pereira é “experiente e profundo conhecedor da região, pois foi Coordenador Regional da Funai de Atalaia do Norte por anos”.

Já Phillips está trabalhando em um livro sobre meio ambiente com apoio da Fundação Alicia Patterson. Ele mora em Salvador e também faz reportagens sobre o Brasil há mais de 15 anos para outros veículos como Washington Post, New York Times e Financial Times.

AMEAÇAS

De acordo com o divulgado pela Univaja, Bruno e Phillips vinham recebido ameaças.

“Enfatizamos que na semana do desaparecimento, conforme relatos dos colaboradores da Univaja, a equipe recebeu ameaças em campo. A ameaça não foi a primeira, outras já vinham sendo feitas a demais membros da equipe técnica da Univaja, além de outros relatos já oficializados para a Policia Federal, ao Ministério Público Federal em Tabatinga, ao Conselho nacional de Direitos Humanos e ao Indigenous Peoples Rights International.”

INVESTIGAÇÃO

Em nota, a Polícia Federal informou que o desaparecimento dos dois já está sendo investigado e que novas informações vão ser divulgadas quando disponíveis.

*Com informações de “g1”

Indigenista e jornalista inglês estão desaparecidos na Amazônia – A Parresia

Leia também

Fisiobus começa a atender em Monte Sinai na próxima segunda, 4 de julho

Depois de atender nos distritos de Paulista, Itaperuna e Vargem Alegre, o Fisiobus, ônibus adaptado para realização de...

Morre em Boa Esperança Antônio Carlos da Silva, um dos mais respeitados jornalistas do ES

Uma notícia triste demais: morreu na tarde desta terça-feira (28) o jornalista Antônio Carlos da Silva, em Boa...

Gestores Municipais que receberam as vacinas

Oi, gente, aqui é a Karina, e hoje tem mais um episódio do nosso podcast. O tema é...

Inadimplência aumenta e atinge mais brasileiros acima de 60 anos

CRISTIANE GERCINA SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A fila de endividados acima de 60 anos --muitos deles aposentados...

Brasileiro que morreu na Itália é enterrado no Espírito Santo

O brasileiro Alexsandro Tonn Loose, de 30 anos, que morreu durante o primeiro dia de trabalho em uma...

Governo Federal instala mais de 17 mil novos pontos de internet em todo o país

Por meio do programa que oferece gratuitamente conexão à internet em banda larga, foram entregues 17 mil pontos...

Emendas de Majeski à LDO priorizam transparência, educação, meio ambiente e controle de gastos

Uma das orientações apresentadas pelo deputado acaba com o pagamento de jetons para secretários, diretores e gerentes participarem...

Ministério da Economia e Enap vão premiar municípios empreendedores

Os municípios que se destacam pelo empreendedorismo podem receber uma premiação pelas ações na área para incentivar novas...