Idaf assina contrato com Fundecc para suporte técnico ao Simlam

O Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf) assinou, nesta sexta-feira (02), contrato com a Fundação de Desenvolvimento Científico e Cultural (Fundecc), da Universidade de Lavras, em Minas Gerais, para suporte técnico ao Sistema Integrado de Monitoramento e Licenciamento Ambiental (Simlam).

O diretor-presidente do Idaf, Mário Louzada, explicou que o sistema é utilizado para diferentes atividades do órgão, sobretudo o Cadastro Ambiental Rural (CAR). “Precisamos avançar na integração dos dados estaduais ao Sistema Nacional de Cadastro Ambiental Rural (Sicar), desenvolver novas funcionalidades e implementar algumas melhorias. A Fundecc possui amplo conhecimento e experiência no tema, por ser a única instituição responsável pelo desenvolvimento e manutenção da plataforma do Sistema Nacional até o momento, sendo responsável, ainda, pela execução de serviços de evolução e customizações da plataforma para outros estados. Além disso, conseguimos uma economia significativa, reduzindo em 50% os custos para suporte e manutenção do Simlam,”, destacou Louzada.

De acordo com o subgerente de Controle Florestal do Idaf, Pedro Heyerdhal, a previsão é que os trabalhos já comecem na próxima segunda-feira (05). “Já temos uma reunião agendada para apresentar as principais demandas. Uma delas é que precisaremos implementar o uso de um novo plugin em substituição ao Flash, utilizado, atualmente, para o trabalho de geoprocessamento, uma vez que os principais navegadores não utilizarão mais essa tecnologia a partir de 2021. Além disso, pretendemos avançar na integração das informações do Simlam com o Sicar, inserindo os dados de análises do CAR no sistema nacional, já que atualmente apenas as inscrições estão integradas. Isso irá conferir a divulgação de números mais condizentes com a atuação do Espírito Santo no que se refere ao Cadastro Ambiental Rural”, explicou.

Simlam

O Simlam foi implantado no Idaf em 2012 para integrar informações e processos em uma plataforma on-line, conferindo mais agilidade e transparência aos processos do órgão. Inicialmente, foi utilizado exclusivamente pela área florestal, ampliando depois a abrangência para outros setores, como defesa sanitária vegetal e cartografia.

Texto: Francine Castro

 

Leia mais

Barrigueira participa de videoconferência da Amunes para tratar medidas voltadas para o Covid-19

Na manhã desta segunda-feira (30), prefeitos de várias...

Governo lança sistema inédito de mapeamento em educação na saúde

Lançamento do Sistema para Mapeamento da Educação em Saúde Foto: Erasmo Salomão / ASCOM MS  O Ministério da Saúde lançou, nesta quinta-feira (6), o Sistema de...

13º Festival de Cinema Latino-Americano de São Paulo homenageia cineasta brasileiro

A programação do 13º Festival de Cinema Latino-Americano de São Paulo está aberta para convidados a partir desta quarta-feira (25). O evento, que vai...

Leia também

Eleições Municipais terão plano de segurança sanitária

A pouco menos de um mês para a realização do primeiro turno das Eleições Municipais, um dos desafios que se apresentam é garantir a...

Mapa revela que municípios com alta produção agrícola impactam no PIB local

Um estudo do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) revela que municípios com maior valor da produção agrícola do país têm, em média,...

Projeto de Lei que parcela dívidas tributárias federais pode ajudar contribuintes catarinenses

Responsável por um a cada três empregos formais em Santa Catarina, o segmento industrial do estado aguarda a aprovação do Projeto de Lei 2735/2020,...

Congresso discute ações de combate aos incêndios no Pantanal

Deputados federais e senadores à frente da Comissão Temporária Externa que discute os incêndios no Pantanal elaboram um estatuto do bioma. O documento conterá...