Idaf apreende agrotóxico em situação irregular no mercado da Ceasa/ES

O Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf), realizou, nesta quarta-feira (29), uma apreensão de dez litros de agrotóxicos que estavam sendo comercializados de forma irregular no mercado das Centrais de Abastecimento do Espírito Santo (Ceasa/ES), em Cariacica.

A fiscalização aconteceu após a Ceasa/ES levar a denúncia para o Idaf de que havia uma pessoa física realizando a venda para os produtores rurais no mercado da Central, o que é proibido. Só é permitida a venda de agrotóxicos em estabelecimentos comerciais registrados pelo Idaf. Todos os agrotóxicos vendidos nos comércios capixabas, ou de outros estados que atendem o Espírito Santo também precisam estar cadastrados no Instituto. Além disso, o produto também era comercializado sem a receita agronômica, que deve ser emitida por um profissional habilitado, e nota fiscal. 

Um dos agrotóxicos apreendidos foi o da marca Gramoxone, sobre o qual há sérias restrições de uso, inclusive, com previsão de banimento do mercado nacional a partir de setembro deste ano. Todo o produto apreendido será encaminhado para a Central de recebimento de embalagens vazias e impróprias, administrada pelo Instituo Nacional de Processamento de Embalagens Vazias (inpEV) que fará a destinação final adequada dos produtos, conforme as normas técnicas recomendadas. 

De acordo com o diretor-presidente do Idaf, Mário Louzada o trabalho do instituto promove segurança alimentar aos capixabas. “Recolhemos agrotóxicos encontrados em situação irregular que podem, por isso, oferecer sérios riscos à saúde tanto de quem consome o alimento quanto do produtor que manuseia o agrotóxico durante o plantio. Cabe ao Idaf fiscalizar a distribuição, o comércio e o uso dos agrotóxicos no Espírito Santo. As denúncias podem ser feitas anonimamente por meio do e-mail agrotoxicos@idaf.es.gov.br, nos escritórios do Idaf, ou no disque-denúncia 181″, disse Louzada. 

Segundo o diretor-presidente da Ceasa/ES, Guilherme Gomes de Souza, a presença eficiente do Idaf nas dependências da Ceasa, mostra que os órgãos componentes da Secretaria da Agricultura (Seag) trabalham de forma coesa e responsável. “Nos tranquiliza para seguirmos nosso trabalho, pois sabemos que nosso compromisso de impedir quaisquer formas de comércio clandestino dentro da Ceasa segue sendo cumprido”, afirma.

Texto: Rafaely Lyra

Leia mais

PM prende indivíduo que assaltou padaria em Barra de São Francisco

Um policial do 11º BPM que estava de folga em Ecoporanga, no início da tarde desta quarta-feira, 16, reconheceu o jovem que assaltou a...

Acusado de homicídio que se escondia em Pancas é preso pela PM

Na tarde de quinta-feira (10), policiais militares prenderam um homem procurado pela justiça na zona rural de Pancas. O homem é acusado de ter cometido um homicídio...

Capes investe em bolsas para auxiliar no combate ao novo coronavírus

Programa de Combate a Epidemias vai investir em bolsas nas áreas de saúde, biologia e exatas ...

Incaper oferece capacitação on-line sobre cultivo de goiaba

O Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper) promoveu o curso on-line “Capacitação sobre a cultura da goiaba”. A capacitação aconteceu...

Leia também

MS: Fazendeiros serão autuados por crime ambiental no Pantanal

O governo do Mato Grosso do Sul afirmou que irá autuar fazendeiros por crime ambiental no Pantanal. Policiais militares ambientais, peritos da Polícia Civil...

Polícia realiza operação contra lavagem de dinheiro e tráfico de drogas no ES

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de...

Polícia Civil realiza operação de combate ao tráfico de drogas e à lavagem de dinheiro no Espírito Santo

  A Polícia Civil iniciou, na manhã desta sexta-feira (22), uma operação com o objetivo de combater uma organização criminosa de tráfico de drogas e...

Pandemia leva TV Gazeta a cancelar entrevistas em estúdio

Globo e suas afiliadas decidiram que só farão debates no primeiro turno onde haja acordo entre os partidos para que participem apenas os quatro...