Iases passa a integrar estrutura do Ciodes-190 em 2021

O Instituto de Atendimento Socioeducativo do Espírito Santo (Iases) terá um call center específico para atender as ocorrências de sua competência dentro do Centro Integrado Operacional de Defesa Social (Ciodes-190), na Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (Sesp). A previsão é de que o serviço comece a funcionar até maio de 2021. O extrato do convênio de cooperação técnica para a instalação da Central de Operações foi publicado, nesta sexta-feira (13), no Diário Oficial do Estado. O prazo de validade do convênio é de quatro anos.

A iniciativa vai permitir o aprimoramento, a interoperabilidade dos sistemas de informação, comunicação e integração de bases de dados que existem no Ciodes. “Acreditamos que dessa forma vamos dar mais eficiência e rapidez ao atendimento das ocorrências peculiares ao Instituto”, destacou o diretor-presidente do Iases, Fábio Modesto.

Além disso, a iniciativa vai permitir o fortalecimento da integração com a Polícia Militar, a Polícia Civil, o Corpo de Bombeiros Militar e as Guardas Municipais. “Isso vai possibilitar a articulação de uma metodologia de atendimento e registro de ocorrências relacionadas ao Iases.  Já por intermédio dos sistemas utilizados na Sesp, os operadores do Instituto poderão consultar e despachar registros de interesse específicos da autarquia, principalmente, no acompanhamento de escoltas a adolescentes, fugas e outros registros relevantes. Tudo isso irá proporcionar respostas integradas ao cidadão e à comunidade socioeducativa”, enfatizou o diretor-presidente.

Para a implantação da Central de Operações, agentes socioeducativos serão treinados para atuarem no local. “Eles serão habilitados para despachar os recursos operacionais, que são os veículos e os agentes para atender às ocorrências geradas no call center do Ciodes e que são de competência operacional exclusiva do Instituto. Além disso, também utilizarão o sistema de Atendimento e Despacho de Ocorrências para registro e controle das ocorrências de responsabilidade do Iases”, explicou o diretor-presidente.

Segundo Fábio Modesto, a Central de Operação do Iases seguirá as normas administrativas previstas pela Direção do Ciodes. “A Central vai atuar de forma integrada e harmônica ao Ciodes, mas será independente e estará ligada diretamente à Diretoria de Ações Estratégicas do Iases”, pontuou.

Leia mais

Tio acusado de estuprar menina de 10 anos no ES é preso em Minas

O tio acusado de estuprar por anos e engravidar a menina de 10 anos em São Mateus foi preso nesta madrugada, entre 3h e...

PEIEX-ES apresenta resultados alcançados para Comitê Consultivo

O Núcleo Operacional Espírito Santo, do Programa de Qualificação para Exportação (PEIEX-ES), realizou a segunda reunião do Comitê...

Alencar Marim diz que não será candidato a reeleição; veja vídeo

O prefeito de Barra de São Francisco, Alencar Marim (Podemos), acabou de publicar em sua página no Facebook, um vídeo em que anuncia sua...

Leia também

Em sete meses, asilos do Espírito Santo registram 100 mortes por Covid-19 entre idosos

  Entre abril e novembro deste ano, as Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPI's) no Espírito Santo registraram 1.015 diagnósticos da Covid-19. O coronavírus...

Secretário justifica reabertura de escolas nos municípios de risco moderado: ‘Não é um ambiente altamente perigoso’

Antes da decisão, as escolas nos municípios desse grupo estavam proibidas de abrir, sendo autorizadas apenas as atividades remotas. Considerando a classificação mais recente...

Criada comissão para transição na prefeitura de Vila Pavão

O processo de transição da atual gestão municipal de Vila Pavão para a próxima administração, que assumirá a partir de 1º de janeiro de...

Risco baixo, moderado e alto: veja as restrições contra a Covid para cada grupo de municípios do Espírito Santo

  O Governo do Espírito Santo instituiu desde o dia 20 de março um mapeamento de risco que direciona as medidas a serem adotadas no...