Iases passa a integrar estrutura do Ciodes-190 em 2021

Compartilhe

O Instituto de Atendimento Socioeducativo do Espírito Santo (Iases) terá um call center específico para atender as ocorrências de sua competência dentro do Centro Integrado Operacional de Defesa Social (Ciodes-190), na Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (Sesp). A previsão é de que o serviço comece a funcionar até maio de 2021. O extrato do convênio de cooperação técnica para a instalação da Central de Operações foi publicado, nesta sexta-feira (13), no Diário Oficial do Estado. O prazo de validade do convênio é de quatro anos.

A iniciativa vai permitir o aprimoramento, a interoperabilidade dos sistemas de informação, comunicação e integração de bases de dados que existem no Ciodes. “Acreditamos que dessa forma vamos dar mais eficiência e rapidez ao atendimento das ocorrências peculiares ao Instituto”, destacou o diretor-presidente do Iases, Fábio Modesto.

Além disso, a iniciativa vai permitir o fortalecimento da integração com a Polícia Militar, a Polícia Civil, o Corpo de Bombeiros Militar e as Guardas Municipais. “Isso vai possibilitar a articulação de uma metodologia de atendimento e registro de ocorrências relacionadas ao Iases.  Já por intermédio dos sistemas utilizados na Sesp, os operadores do Instituto poderão consultar e despachar registros de interesse específicos da autarquia, principalmente, no acompanhamento de escoltas a adolescentes, fugas e outros registros relevantes. Tudo isso irá proporcionar respostas integradas ao cidadão e à comunidade socioeducativa”, enfatizou o diretor-presidente.

Para a implantação da Central de Operações, agentes socioeducativos serão treinados para atuarem no local. “Eles serão habilitados para despachar os recursos operacionais, que são os veículos e os agentes para atender às ocorrências geradas no call center do Ciodes e que são de competência operacional exclusiva do Instituto. Além disso, também utilizarão o sistema de Atendimento e Despacho de Ocorrências para registro e controle das ocorrências de responsabilidade do Iases”, explicou o diretor-presidente.

Segundo Fábio Modesto, a Central de Operação do Iases seguirá as normas administrativas previstas pela Direção do Ciodes. “A Central vai atuar de forma integrada e harmônica ao Ciodes, mas será independente e estará ligada diretamente à Diretoria de Ações Estratégicas do Iases”, pontuou.

Leia também

Cruzeiro vence no Mineirão e amplia vantagem na liderança da Série B

O Cruzeiro fez o trabalho de casa e derrotou o Sport por 2 a 1, na noite desta...

Confira as fotos da inauguração da clínica de hemodiálise em Barra de São Francisco

A inauguração da clínica de hemodiálise (Med.Álise), na manhã deste sábado (02), em Barra de São Francisco, com...

Hortões municipais já produziram e entregaram 1.936 caixas de verduras, legumes e frutas

Os hortões municipais geridos pela Secretaria Municipal de Agricultura (Semag) já produziram 1.936 caixas de legumes, verduras, frutas...

INDICADORES: Preço do café arábica aumenta nesta sexta-feira (1º)

A saca de 60 quilos do café arábica iniciou a sexta-feira (1º) com aumento de 0,72% no preço...

Rancho Fundo e Santa Teresinha vencem e decidem o título de campeão da Copa Norte

A segunda rodada das semifinais da 16º Copa Norte, de futebol amador, realizadas no último sábado (02) e...

Adolescente é baleado em ataque a tiros Paulista, interior de Barra de São Francisco

Um adolescente de 15 anos foi baleado na noite deste domingo (3) na localidade de Vila Paulista, em...

Ações da Embrapa para mitigar crise dos fertilizantes podem gerar US$ 1 bilhão de economia ao setor

Uma economia ao setor agrícola de US$ 1 bilhão já no primeiro ano. Essa é a expectativa da...

Barra de São Francisco atende 46 pacientes de hepatite

As hepatites virais são um grave problema de saúde pública no Brasil e no mundo. É uma infecção...