Homem é preso em flagrante após assaltar mulheres em orla de praia no Espírito Santo

Durante a fuga, o homem chegou a atirar contra os agentes da Guarda Municipal. Uma outra pessoa que estava com ele conseguiu fugir.


Preso foi levado para a Delegacia Regional da Serra

Um homem de 23 anos foi preso na noite desta quinta-feira (16) após assaltar duas mulheres na orla da praia de Jacaraípe, na Serra, na Grande Vitória.

Durante a tentativa de fuga, ele chegou a atirar contra os agentes da Guarda Municipal com uma garruncha de fabricação caseira, que também foi apreendida.

O assalto aconteceu por volta das 18h, quando as duas mulheres foram rendidas pelo homem armado. Segundo as vítimas, ele estava acompanhado de um outro homem.

“Por volta das 18 horas nós fomos caminhar na orla, que fica próxima à minha casa. Nós passamos por esses rapazes, que estavam sentados em banquinhos. Um deles estava armado e abordou a gente. Ele mandou a gente passar o celular. Minha amiga disse que não tinha e ele ficou nervoso”, contou uma das vítimas, que preferiu não se identificar.

Arma de fabricação caseira foi apreendida junto com o suspeito pelos agentes da Guarda Municipal

Após o assalto, as mulheres pediram ajuda a uma viatura da Guarda Municipal da Serra. Foi então que a perseguição aos suspeitos teve início. Um deles conseguiu fugir. Já o outro, que estava com a arma, disparou contra os agentes.

“Logo após eu consegui alcançar ele. Ele se rendeu, deitou no chão. Estava em posse de uma arma de fabricação caseira e do celular da vítima”, contou o agente Agner Lopes.

O suspeito detido em flagrante foi levado para a Delegacia Regional da Serra. Ele, que já possui passagens por tráfico de drogas e assalto, se recusou a identificar o comparsa.

“Ele alegou não conhecer o outro indivíduo. Ele diz que os dois só marcaram, de fazer um rolê na praia para cometer pequenos furtos”, contou o agente.

O celular roubado foi recuperado. As duas vítimas, que são de Minas Gerais e se mudaram há uma semana para o Espírito Santo para trabalhar, estão assustadas.

“Hoje foi o primeiro dia que fui caminhar na praia e aconteceu isso. Mas, graças a Deus, os guardas fizeram a parte deles e deu tudo certo”, disse uma delas.

 

Leia mais

Leia também