ES: homem assalta taxista, é agredido pela população e entregue pela própria mãe a polícia

Um homem assaltou um taxista, foi espancado pela população, conseguiu fugir e, depois, foi entregue à polícia pela própria mãe. O caso aconteceu em Cariacica, na Grande Vitória, nesta sexta-feira (26).

O homem usa tornozeleira eletrônica. De acordo com a Secretaria de Estado da Justiça (Sejus), ele estava preso desde maio de 2019 pelo crime de roubo e, em março deste ano, a Justiça concedeu prisão domiciliar a ele.

A mãe, sem se identificar, disse que não aguenta mais tentar orientar o filho a sair da criminalidade.

“Eu me sinto muito triste, porque a gente luta, educa os filhos, para passar por isso”, disse.

“Se ouvissem pai e mãe, não tinha tanto jovem morto. Porque tentar, eu tentei. E vou tentar quantas vezes for preciso para tirar ele desse caminho. Só não sei se vou ter tempo de vida”, lamentou a mãe.

O taxista contou que foi abordado pelo homem, que pediu uma corrida para o bairro Vila Isabel. Depois de perguntar sobre o pagamento, o taxista foi ameaçado com uma faca.

“Ele chegou no ponto, pedindo uma corrida para o bairro Vila Isabel. Eu suspeitei que ele ia me roubar, e perguntei se o dinheiro estava trocado. Foi a hora que ele anunciou o assalto, puxou uma peixeira e botou na minha cintura. Eu segurei no braço dele e dei um murro no punho dele. Aí, ele se descontrolou com a faca. Eu abri a porta do carro e saí”, contou.

Depois disso, o assaltante tentou fugir, mas foi contido por moradores que viram o sufoco do taxista. Eles seguraram e agrediram o assaltante, que conseguiu fugir. Mas a própria família avisou a polícia onde ele estava.

Esse já é o segundo taxista que o homem assalta em menos de duas semanas. A outra vítima também reconheceu o criminoso, que o assaltou também usando uma faca.

“Foi no dia 26. Esse taxista chegou lá [na delegacia] e reconheceu esse indivíduo, foi o mesmo que roubou ele”, disse a vítima.

Informações: G1

Leia mais

Lançado o Portal da Água Mineral

Leia também