Guarapari renova decreto e proíbe entrada de ônibus e vans de turismo durante o feriado

A  prefeitura de Guarapari, na região Metropolitana de Vitória, renovou o decreto que proíbe a entrada de ônibus e vans de turismo, até o dia 30 de setembro. A medida tem o objetivo de evitar a lotação da cidade durante o feriado de Independência da República, comemorado na próxima segunda-feira (7).

O balneário é um dos principais pontos turísticos do Espírito Santo e para controlar e impedir a entrada de turistas a prefeitura montou três barreiras sanitárias nas entradas da cidade pela BR-101, Rodovia do Sol e pelo acesso pela praia de Meaípe.

“Está proibida a entrada de vans e ônibus de turismo. Se acontecer isso, que não acontece desde o início da pandemia, eles serão convidados a se retirar do município. Caso aconteça dessa van furar o bloqueio e se evadir, nós vamos atrás com a Polícia Militar para forçar a pessoa a ir embora. Se ela entrar em casa ou pousada, serão autuados por desrespeito ao decreto”, informou o secretário de Postura e Trânsito de Guarapari, Luiz Cardozo Filho.

O decreto também mantém a proibição do aluguel de casas e apartamentos para temporada. “Se recebermos alguma denúncia de aluguel de casa, a gente vai ao local e autuar pelo desrespeito”, ressaltou o secretário.

Não está permitido que pessoas permaneçam nos riachos, cachoeiras e praias do município. O uso das praias só é permitido para a prática de atividades esportivas individuais.

O decreto ainda proíbe o transporte de passageiros em escunas e trenzinhos, a abertura e funcionamento de todos os quiosques localizados nas orlas das praias, venda de produtos por ambulantes, e proíbe restaurantes, bares, lanchonetes de venderem para consumidores em calçadas, calçadões ou faixas de areia.

De acordo com Cardozo, a ação da prefeitura é evitar que o número de casos de Covid-19 aumente no município. De acordo com os registros do Governo do Estado, até esta sexta-feira (4) Guarapari já registrou 2.916 casos da doença e 103 mortes.

“A gente gostaria que a população entenda que esse não é um momento de lazer. É um momento de ficar em casa o máximo possível, porque não sabemos quem está vindo para o município e nem se essas pessoas estão com algum sintoma que possa aumentar o número de casos”, informou.

Informações: G1

Leia mais

Governo do Estado lança edital para que startups apresentem soluções aos desafios da gestão pública

Foto: Rodrigo Araujo/Governo-ES Chegou a oportunidade das empresas de...

Sérgio Meneguelli anuncia que não será candidato à reeleição em Colatina

A grande dúvida que pairava sobre a população...

O TEMPO E A TEMPERATURA: Estados da região Sul devem ter tempo ameno nesta segunda-feira (21)

Neste domingo (20), a chuva na região Sul do país deve ficar restrita no norte e na faixa leste do Paraná, com acumulados que...

Leia também