Grávida cai de segundo andar e criança é salva por vizinhos durante incêndio

Grávida de 3 meses, a faxineira Sandriele da Silva Ramos, de 24 anos, caiu do segundo andar de um prédio ao tentar fugir de um incêndio, no bairro Maria Ortiz, em Vitória. Ela estava em casa com a filha, 4 anos, quando o fogo começou, na noite de terça-feira (29).

A vítima contou que estava dormindo quando foi acordada pela criança. Do quarto, a faxineira viu o fogo, que já tinha consumido a cozinha e a sala. Sem ter como escapar pela porta, a jovem só viu uma saída: pular pela janela do quarto.

“Pulei a janela e fiquei na beirada, em cima das telhas. Puxei a neném e coloquei ela do lado, segurando numa grade. Eu ia pular e depois segurar ela. Mas, quando me preparei para pular, a telha quebrou e eu caí com a cabeça no chão”, afirmou Sandriele.

Dois vizinhos conseguiram convencer a menina, que ficou no beiral do segundo andar vendo a mãe ferida, a pular. Eles pegaram a criança, que não teve nenhum ferimento ou queimadura.

Já a faxineira teve deslocamento de quadril e ferimentos e no rosto e no braço direito. Por conta da queda, ela está com dificuldades de se locomover e precisou ficar na casa de um amigo, já que perdeu tudo no incêndio.

O fogo também destruiu a casa vizinha, onde mora uma cozinheira, de 28 anos, e o filho dela, de 3. Os dois não estavam no imóvel no momento do incêndio.

Assustados, moradores pegaram mangueiras para tentar apagar o fogo antes da chegada do Corpo de Bombeiros.

Na manhã desta quarta (30), a Defesa Civil esteve no local e interditou os dois apartamentos. Segundo os fiscais, há perigo de cair algum reboco ou placa de gesso. Todos os bens das duas famílias foram perdidos.

A perícia do Corpo de Bombeiros também esteve no imóvel. A equipe vai apurar qual foi a verdadeira causa do incêndio. A suspeita da grávida é que tenha sido um curto circuito, causado por fios soltos que estavam pendurados na sala.

Vizinha afirma que viu criança com álcool e fósforo 

A vizinha da casa onde o fogo começou, que também perdeu tudo, afirma que viu a filha da faxineira segurando uma garrafa de álcool e uma caixa de fósforos minutos antes do incêndio.

“Ela estava no corredor com uma garrafa de álcool em uma mão e uma caixa de fósforos na outra. Coloquei a criança para dentro e avisei à mãe: ‘Sandriele, sua filha está aqui no corredor brincando com caixa de fósforo e álcool’. Depois eu saí”, declarou a cozinheira Jessyca Cabral, de 28 anos.

Informações: Tribuna Online

Leia mais

ES pode chegar a mil mortes por Covid-19 em junho, diz secretário de Saúde

Um dia depois do Espírito Santo superar 500 mortos...

Idosa com suspeita de Coronavírus morre em ambulância na porta de hospital em São Mateus

A senhora foi transferida do Hospital São Camilo, em Nova Venécia, para o Roberto Silvares, referência para Covid-19 no norte do Estado. Enquanto esperava...

Polícia Federal atuará junto a órgãos de segurança durante as eleições

A Polícia Federal e a Secretaria de Operações Integradas do Ministério da Justiça e Segurança Pública assinaram um Acordo de Cooperação Técnica para trabalharem...

Famílias de baixa renda de Minas Gerais e do Ceará recebem moradias

O investimento federal nos dois residenciais foi de R$ 72,7 milhões para beneficiar mais de 4 mil pessoas. ...

Leia também

Eleições Municipais terão plano de segurança sanitária

A pouco menos de um mês para a realização do primeiro turno das Eleições Municipais, um dos desafios que se apresentam é garantir a...

Mapa revela que municípios com alta produção agrícola impactam no PIB local

Um estudo do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) revela que municípios com maior valor da produção agrícola do país têm, em média,...

Projeto de Lei que parcela dívidas tributárias federais pode ajudar contribuintes catarinenses

Responsável por um a cada três empregos formais em Santa Catarina, o segmento industrial do estado aguarda a aprovação do Projeto de Lei 2735/2020,...

Congresso discute ações de combate aos incêndios no Pantanal

Deputados federais e senadores à frente da Comissão Temporária Externa que discute os incêndios no Pantanal elaboram um estatuto do bioma. O documento conterá...