Governo Federal une personalidades do esporte, times de futebol e entidades de ensino em torno do Maio Laranja

Compartilhe

Para enfatizar a importância da Campanha Maio Laranja, marcada pela conscientização sobre a prevenção do abuso e da exploração sexual de crianças e adolescentes, o Governo Federal, por meio do Ministério da Cidadania (MC), em parceria com o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), buscou o apoio de diversos clubes de futebol, atletas e ex-atletas de destaque, além de universidades e entidades de ensino superior. Todos estarão engajados em diversas ações ao longo deste mês.

Atletas como o multicampeão da natação e maior nome da história do país no esporte paralímpico, Daniel Dias; os campeões olímpicos de vôlei Serginho, Fofão e Paula Pequeno; a rainha do basquete, Hortência; o medalhista olímpico do atletismo André Domingos; o ex-jogador de futebol Somália; o zagueiro do Grêmio, Geromel; o jogador da Seleção Brasileira de Futebol de Nanismo (BRASA), Leonardo Conceição; e o ex-jogador de futebol, Ivo, gravaram vídeos de apoio ao Maio Laranja, que serão divulgados nas redes sociais dos ministérios e das entidades apoiadoras da campanha.

Entre os clubes de futebol, Athletico Paranaense, Flamengo, Grêmio, Internacional, Náutico, Santos, São Paulo e Retrô Brasil uniram-se ao time de apoiadores e promoverão outras iniciativas, como iluminação em estádio, veiculação de vídeos sobre o Maio Laranja nos telões das arenas durante as partidas e divulgação das ações nas redes sociais.

O Instituto Federal do Ceará, a Universidade Federal do Ceará, a Universidade Federal do Amazonas, a Universidade Federal de Santa Catarina, a Universidade do Estado de Mato Grosso, a Universidade Federal de Viçosa, a PUC/RS e o Centro Universitário UNIBRA também entraram na campanha e ampliarão a divulgação nas redes sociais.

A campanha conta ainda com a participação do Ministério da Educação, da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e da Confederação Brasileira do Desporto Escolar (CBDE).

Números

Segundo as estatísticas do Painel de Dados da Ouvidoria Nacional de Direitos Humanos (ONDH/MMFDH), somente em 2022, até o dia 13 de maio, foram contabilizados 53,8 mil registros de denúncias de violência contra crianças e adolescentes. Destas, 7,1 mil são de violência sexual. Os números revelam ainda que a maioria das violações ocorrem na casa onde residem a vítima e o suspeito (28,4 mil).

Maio Laranja

A Campanha Maio Laranja, promovida pelo MMFDH, chama atenção para a prevenção do abuso e da exploração sexual de crianças e adolescentes. O Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes acontece em 18 de maio. A data faz referência à memória da menina capixaba Araceli Crespo, de apenas oito anos de idade. Ela foi sequestrada, drogada, espancada, estuprada e morta em 1973.

A violência sexual de crianças e adolescentes pode ocorrer em várias idades (incluindo bebês). O abuso sexual se configura quando a criança é utilizada por adulto, ou até um adolescente, para praticar algum ato de natureza sexual. Já a exploração sexual é quando eles são utilizados com propósito de troca ou de obter lucro financeiro ou de outra natureza em turismo sexual, tráfico, pornografia, ou também em rede de prostituição.

Disque 100

O Disque 100, ou Disque Direitos Humanos, é um serviço do MMFDH. A central recebe denúncias de abuso e exploração contra crianças e adolescentes diariamente, 24h, inclusive nos finais de semana e feriados.

As denúncias são anônimas e podem ser feitas de todo o Brasil por meio de discagem direta e gratuita para o número 100, pelo whatsapp: (61) 99656-5008, ou pelo aplicativo Direitos Humanos Brasil, onde o cidadão com deficiência encontra recursos de acessibilidade para denunciar.

Com informações do Ministério da Cidadania

ff3bbf83-2ee3-40ad-9d0d-b22c74238e5f.png0fddc0fb-ab12-4ee6-ba70-f42cc30fad37.png34db104d-4a02-42d3-bfe6-7be1bf51deeb.pngad3b20fe-5317-4e73-a52e-e093bba649b1.png806930ce-4f39-4ca7-a7b0-6087ec8e981a.pngb90bff7f-e1d7-42ca-b6a4-8a651b4c0979.png2627db47-aa6d-453a-927b-587ef8b6b65c.png76edf048-7568-44f8-ae75-6d777df6a17d.png4fec02d4-d86f-4569-ba7f-7192033fa0c0.png28018463-a988-440d-871f-4af882ae0445.png2c51ddcb-42bf-4b44-a1db-078cbc226523.png

Leia também

DPS organiza evento em comemoração ao Dia Estadual do Policial Civil

  A Polícia Civil do Estado do Espírito Santo (PCES), por meio da Divisão de Promoção Social (DPS) realizou,...

‘Rainha’, vibra Juliette ao cantar com Elba Ramalho

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A cantora Juliette subiu ao palco com Elba Ramalho no São João de...

Ex-ministro e pastor ligado a Bolsonaro são presos pela PF em operação sobre ‘balcão’ do MEC

FABIO SERAPIÃO E PAULO SALDAÑA BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - A Polícia Federal realiza na manhã desta quarta-feira (22)...

MP do Reiq pode ser sancionada sem garantia de que regime será mantido até 2027

Após passar pelo crivo do Congresso Nacional, a Medida Provisória 1095/2021, que trata do Regime Especial da Indústria...

CCJ da Câmara aprova piso salarial para enfermagem

A Comissão de Constituição de Justiça (CCJ) da Câmara dos Deputados aprovou o texto da Proposta de Emenda...

Seleção Feminina de Futsal de Barra de São Francisco joga a semifinal dos JEES nesta sexta, 24

Após vitória sobre Atílio Vivacqua por 2 x 1, a Seleção de Futsal Feminina Juvenil de Barra de...

Defesa Civil Nacional repassa R$ 96,4 mil para Alegre, no Espírito Santo

O Governo Federal, por meio do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), autorizou o repasse de R$ 96,4 mil...

Coordenador da PRF fala sobre segurança no trânsito

A Operação Corpus Christi, da Polícia Rodoviária Federal (PRF), fiscalizou 104 mil pessoas com abordagem, fez 58 mil...