Governo Federal contrata 267 profissionais de saúde para atuar no Amazonas

Profissionais de saúde se cadastram para trabalho contra Covid-19

A primeira equipe de profissionais de saúde segue neste domingo para Manaus. Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

O estado do Amazonas ganhará, a partir de segunda-feira (4) um reforço de 267 profissionais de saúde, contratados pelo Ministério da Saúde, para atuar no enfrentamento à Covid-19. São 37 médicos, 118 enfermeiros, 57 técnicos em enfermagem, 26 fisioterapeutas, 12 farmacêuticos e 17 biomédicos.  Os profissionais se inscreveram na ação estratégica O Brasil Conta Comigo, que está cadastrando e capacitando profissionais, residentes e estudantes da área de saúde de todo o país para atuarem no atendimento à população em todo o País.

De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde do Amazonas, eles devem ser deslocados para atuação no Sistema Único de Saúde (SUS) de Manaus, Tabatinga, Itacoatiara e Manacaparu. A contratação destes profissionais é temporária, por até seis meses, e remunerada de acordo com o salário base de cada categoria.

Dos 267 profissionais de saúde que aceitaram o convite para fazerem parte da primeira equipe de apoio no atendimento de pacientes infectados pela doença, 236 moram em Manaus e outros 31 são de outros estados brasileiros.

Eles se embarcam na noite deste domingo (3) para Manaus (AM) junto de uma equipe do ministério, que vai apoiar as ações de planejamento técnico e logístico com os gestores do SUS no estado e da capital Manaus.

 Já na segunda pela manhã os profissionais passarão por capacitação presencial para o enfrentamento à Covid-19, incluindo palestra sobre os cuidados com a saúde mental. Os profissionais também já realizaram o curso online de Protocolos de Manejo Clínico do Coronavírus (COVID-19), que foi disponibilizado por e-mail após o cadastro na iniciativa O Brasil Conta Comigo

Os profissionais contratados receberão salário base, acrescido de adicional de insalubridade, e compatível com a carga horária específica da sua profissão. O Ministério da Saúde também providenciará alojamento, alimentação, transporte e seguro saúde, além de equipamentos de proteção individual (EPI) para a realização do trabalho.

 Fonte: Com informações do Ministério da Saúde

Leia mais

7º Caso de coronavírus confirmado em Água Doce do Norte

A situação em Água Doce do Norte está ficando cada vez mais complicada, tudo porque o...

Bolsonaro assina MP que isenta pagamento de energia por pessoas de baixa renda

Medida beneficiará mais de 9 milhões de famílias de baixa renda. – Foto: ...

Homem é preso em Mantenópolis após tentar agredir policiais

Policiais militares de Mantenópolis realizaram a prisão de um cidadão que, segundo a ocorrência, tentou agredi-los durante abordagem. O caso aconteceu no último sábado (08) e...

Caso de Coronavírus confirmado em São Mateus é um jovem de Barra de São Francisco

O município de São Mateus confirmou mais dois casos de Coronavírus. A informação é da Secretaria Municipal de Saúde, por meio do Serviço de...

Leia também

Municípios paranaenses economizam 17 milhões após alertas do TCE- PR

“É melhor prevenir do que remediar”. O provérbio popular descreve bem o que o Tribunal de Contas do Paraná (TCE-PR) tem feito no monitoramento...

Política governamental pode ampliar a produção nacional de minerais estratégicos

Na tentativa de priorizar esforços governamentais para a implantação de projetos de produção de minerais estratégicos para o desenvolvimento do Brasil, o Conselho de...

Maioria dos prefeitos médicos teve bom desempenho contra Covid-19

Durante as eleições, 276 dos mais de cinco mil prefeitos brasileiros declararam à Justiça Eleitoral que são médicos. Por mais que a profissão possa...

Sem crédito para cobrir custos fixos, empresas do Amazonas reduzem quadro de funcionários

O cenário da crise causada pela pandemia de Covid-19 vem acumulando cada vez mais empresas com portas fechadas. Com a diminuição da atividade econômica,...