Governo Federal autoriza investimento de R$ 1 bilhão para obras de saneamento em SP

Governo Federal autoriza investimento de R$ 1 bilhão para ampliação e melhoria do abastecimento de água e coleta de esgoto em SP

O MDR possui uma carteira com 27 projetos prioritários de saneamento básico aprovados em 13 estados
– Foto:
Divulgação/Prefeitura Itapevi

O Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) incluiu quatro projetos para o setor de saneamento como prioritários para a captação de recursos no mercado financeiro. Mais de R$ 1 bilhão poderá ser investido em empreendimentos para ampliação e melhoria do abastecimento de água e da coleta de esgoto na Região Metropolitana, interior e litoral do estado de São Paulo (SP). As obras devem beneficiar 8,6 milhões de habitantes na capital paulista e em mais 27 cidades, além de gerar 22 mil novas vagas de empregos.

“O presidente Bolsonaro nos deu a missão de auxiliar as companhias de saneamento neste momento em que há problemas de liquidez. É fundamental ampliarmos as opções de investimentos para a área do saneamento no Brasil e, com isso, melhorar e expandir a prestação de serviços essenciais. Vamos buscar soluções que possibilitem ampliar o investimento privado em infraestrutura.”, destaca o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho.

As propostas foram apresentadas pela Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) e compõem o Programa Corporativo de Investimento da empresa. Com o enquadramento dos projetos como prioritários, fica aberto o caminho para a emissão de debêntures incentivadas – títulos privados de renda fixa que permitem às empresas captar dinheiro emprestado de investidores para financiar projetos na área de infraestrutura.

Carteira de projetos

Atualmente, o MDR possui uma carteira com 27 projetos prioritários de saneamento básico aprovados em 13 estados. Destes, oito estão em andamento e já captaram R$ 1,1 bilhão no mercado por meio de títulos.

Quatro deles estão sendo implantados em Mato Grosso, para a ampliação de sistemas de água e esgoto nas cidades. Os demais estão nos estados de Tocantins (ampliação de sistemas em 27 municípios operados pela Saneatins); Minas Gerais (ampliação do sistema de esgoto em Sabará e Divinópolis); Santa Catarina (ampliação de sistemas em Itapema); e São Paulo (para a redução de perdas em diversas localidades operadas pela Sabesp).

O ano de 2019 foi o mais expressivo para o rol de propostas prioritárias apoiadas pelo MDR. Foram nove proposições aprovadas. Esse valor representa um incremento de 70% em relação às 13 iniciativas chanceladas até 2018.

Em comparação ao ano passado, o MDR já alcança 55,6% dos resultados de 2019. Os quatro projetos aprovados se somam ao de saneamento da Manaus Ambiental S/A.

Leia mais

Colheita de café com expectativa de quebra no Espírito Santo e na Bahia

Com mais da metade dos grãos de conilon já colhidos no Espírito Santo e na Bahia, a estimativa dos produtores é de uma quebra...

PRF apreende 21,5 Kg de maconha na BR-101 em Guarapari

Agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreenderam 21,5...

‘Presidente criou narrativa da gripezinha e passou a acreditar’, diz Mandetta

Para o ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta...

Pesquisadores do Incaper registram fungo inédito em batata-doce

Pesquisadores do Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper), lotados no Centro de...

Leia também

Espírito Santo: aposentado morre após ser atacado por abelhas

Ataque do enxame aconteceu no quintal da casa de José Salvador, de 57 anos.   Um homem de 57 anos morreu após ser atacado por abelhas...

Richarlison é eleito o melhor do Everton na temporada passada e recebe o prêmio de Neymar

O atacante Richarlison foi eleito o melhor jogador do Everton na última temporada, depois da votação dos torcedores do clube inglês nas últimas semanas....