Governo entrega alimentos para comunidade cigana no DF

Governo entrega alimentos para comunidade cigana no Distrito Federal

Cerca de 40 fam;ilias integram a comunidade cigana Nova Canaã.
– Foto:
Willian Meira/MMFDH

O Governo Federal, por meio do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), entregou, na segunda-feira (4), alimentos para uma comunidade cigana em Sobradinho, no Distrito Federal. Foram entregues, ao todo, 87 caixas de sardinhas com 50 unidades cada. Os itens foram uma doação da Embaixada da Espanha e a entrega foi articulada pelo MMFDH.

A comunidade cigana Nova Canaã, contemplada pela ação do Ministério, é composta por cerca de 40 famílias. O bem-estar da população cigana durante a pandemia do novo coronavírus é uma dos principais objetivos da Secretaria Nacional de Promoção da Igualdade Racial (SNPIR), assim como o cuidado com as crianças ciganas é também uma prioridade da Secretaria Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente (SNDCA).

Sandra Terena, secretária da SNPIR, lembrou que a ação é uma marca do Governo Federal neste período. “A comunidade ficou muito feliz pela iniciativa. Estamos acompanhando essa comunidade em outras situações também e isso mostra o comprometimento do presidente Bolsonaro e da ministra Damares de não esquecer ninguém”, destacou.

Ainda está prevista para este mês a entrega de duas cestas básicas para 162 mil famílias de comunidades indígenas e quilombolas.

 

Tags: Comunidade Cigana#Coronavirus#CoronavirusNoBrasilMinistério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanoscomunidades tradicionais

Conteúdo relacionado

  • Governo Federal libera recursos para ações socioassistenciais
  • Serviço do Disque 100 atenderá idosos em isolamento social durante a pandemia

O Governo Federal, por meio do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), entregou, na segunda-feira (4), alimentos para uma comunidade cigana em Sobradinho, no Distrito Federal. Foram entregues, ao todo, 87 caixas de sardinhas com 50 unidades cada. Os itens foram uma doação da Embaixada da Espanha e a entrega foi articulada pelo MMFDH.

A comunidade cigana Nova Canaã, contemplada pela ação do Ministério, é composta por cerca de 40 famílias. O bem-estar da população cigana durante a pandemia do novo coronavírus é uma dos principais objetivos da Secretaria Nacional de Promoção da Igualdade Racial (SNPIR), assim como o cuidado com as crianças ciganas é também uma prioridade da Secretaria Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente (SNDCA).

Sandra Terena, secretária da SNPIR, lembrou que a ação é uma marca do Governo Federal neste período. “A comunidade ficou muito feliz pela iniciativa. Estamos acompanhando essa comunidade em outras situações também e isso mostra o comprometimento do presidente Bolsonaro e da ministra Damares de não esquecer ninguém”, destacou.

Ainda está prevista para este mês a entrega de duas cestas básicas para 162 mil famílias de comunidades indígenas e quilombolas.

 

Leia mais

Leia também