Governo do Tocantins proíbe aglomeração de equídeos para conter propagação de bactéria

A Agência de Defesa Agropecuária do Tocantins (Adapec) proibiu qualquer tipo de aglomeração de animais da categoria de equídeos em cinco municípios da região norte do estado e em Taguatinga, que fica no sudeste tocantinense. Integram essa categoria cavalos, burros e zebras. 

Também está proibida a realização de cavalgadas sem a autorização do órgão em 12 municípios próximos às cidades listadas. A medida se dá por conta de casos registrados de mormo, uma doença infectocontagiosa causada por bactéria.

Serra da Mantiqueira: antecipação da colheita de azeitonas gera expectativa na produção de azeite

 A Adapec afirma que os protocolos sanitários são obrigatórios e seguem as determinações do Ministério da Agricultura. O órgão disponibilizou um telefone para que pessoas tirem dúvidas sobre o assunto, 0800 063 11 22, com atendimento de segunda a sexta-feira, das 8 às 14h. 

 Foto: Adapec/Governo do Tocantins

Leia mais

Leia também