Governo do Presidente Jair Bolsonaro completa 600 dias

Governo do Presidente Jair Bolsonaro completa 600 dias

Em destaque o círculo azul com a inscrição Ordem e Progresso da Bandeira do Brasil e ao fundo detalhe da Bandeira Presidencial do Brasil Foto: Isac Nóbrega/PR

O Governo do Presidente Jair Bolsonaro completa nesta sexta-feira (21) os600 dias de ações. A data simbólica traz um balanço de ações realizadas com foco no enfrentamento ao novo coronavírus.

 Saúde

– Mais de 12 mil leitos de UTI habilitados desde o início da pandemia.

– Mais de 241,3 milhões de EPIs distribuídos.

– 12.176 respiradores encaminhados aos Estados e Municípios (10.146 adquiridos + 2.030 recuperados numa parceria entre MD, CNI, Senai e empresas privadas).

– Criação de Centros de Atendimento para Enfrentamento da Covid-19 em milhares de municípios em todo o Brasil, de modo a prestar assistência médica especializada à população brasileira. 

Recursos aos Estados e Municípios

– Os entes federativos do Brasil receberam auxílio ininterrupto do Governo Federal para salvar vidas, manter emprego e renda, e retomar a economia. Dentre tais apoios, destacaram-se o Programa Federativo de Enfrentamento ao Coronavírus SARS-CoV-2 (repassou R$ 60 bilhões e suspendeu as dívidas entre a União e os Estados, Distrito Federal e Municípios) e o aporte financeiro na área sanitária para os Fundos Estaduais e Municipais de Saúde, no valor de R$ 71,1 bilhões (sendo, R$ 53,2 para rotina e R$ 17,9 exclusivos para a Covid-19). 

Apoio aos mais vulneráveis

– Durante o período foram lançados diversos Planos de Contingência para vulneráveis, tais como, crianças, adolescentes e pessoas com deficiência.

– Auxílio Emergencial: o benefício, iniciado em abril, atingiu a marca de R$ 166, 4 bilhões, com total de 66,5 milhões de brasileiros assistidos.

– R$ 20 bilhões do PIS-PASEP destinados ao FGTS, para saque emergencial da população. 

Manutenção do Emprego e Renda

– R$ 20,4 bilhões destinados às empresas, por meio do Benefício Emergencial de Preservação do Emprego e da Renda – Bem, que preservaram mais de 16,2 milhões de contratos de empregos dos cidadãos brasileiros. 

Apoio às micro, pequenas e médias empresas (MPMEs)

– Diversos programas do Governo Federal foram criados, a fim de permitir o funcionamento dos estabelecimentos comerciais com menor arrecadação financeira, para manter as atividades econômicas que, por consequência, salvaram vidas, preservaram empregos e renda, e proporcionaram a retomada da economia do país. Entre eles, destacaram-se o Programa Emergencial de Acesso a Crédito – PEAC (até R$ 25 bilhões pelo Fundo Garantidor para Investimentos – FGI. Já contratados R$ 10,9 bilhões), o Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte – Pronampe (R$ 20,9 bilhões por meio do Fundo Garantidor de Operações – FGO), o Programa Emergencial de Suporte a Empregos – Pese (R$ 4,6 bilhões) e o Fundo de Aval às Micro e Pequenas Empresas – Fampe (R$ 1,9 bilhão). 

Apoio às comunidades tradicionais

– Diversas foram as ações do Governo Federal para auxílio das populações tradicionais (indígenas, quilombolas, ribeirinhos, pescadores artesanais, agricultores familiares, entre outros). Ressaltaram-se: 1- distribuição de mais de 403 mil cestas básicas para povos indígenas (ação conjunta entre MMFDH, MD e Funai); 2- criação e/ou suporte para manutenção de mais de 300 barrerias sanitárias (impedir a proliferação do vírus no seio das comunidades mais vulneráveis); e 3- mais de 180 ações de fiscalização em 128 terras indígenas, para evitar atividades ilícitas, tais como, garimpo clandestino e extração de madeira). 

Aquisição de EPI

– Somente nos últimos 100 dias, chegaram mais de 222,5 milhões de EPIs trazidos em 35 voos, que necessitaram de uma verdadeira logística de guerra para o transporte até o Brasil, desembaraço alfandegário, armazenamento, escolta da carga (devido ao valor agregado) e distribuição por via terrestre e aérea para todo o território nacional, num esforço conjunto interministerial e interagência (Minfra, MD, MS, Anac, PF, PRF, Anvisa etc). Ao todo, foram mais de 240 milhões de EPIs. 

Digitalização de serviços

– Somente durante a pandemia, o Governo Federal já digitalizou 285 serviços, a maioria nos últimos 100 dias, de modo a facilitar o acesso à população brasileira, evitando aglomerações, perda de tempo em atendimentos presenciais e gastos desnecessários com deslocamentos até os locais. Ao todo, desde o início do Governo Bolsonaro já foram mais de 850 serviços digitalizados, que geram uma economia estimada em R$ 2 bilhões anuais. 

Repatriação

– Além das inúmeras interações do MRE e demais órgãos governamentais envolvidos no assunto com entidades internacionais para repatriar mais de 27 mil brasileiros de 107 países em todo o mundo, foi fundamental as ações do MMFDH para estabelecer contato com quase 130 instituições filantrópicas e religiosas, a fim de prestar assistência às pessoas desvalidas que se encontravam fora do Brasil.

Leia mais

Adiamento da LGPD permitirá que empresas de Alagoas direcionem recursos para enfrentamento da redução da atividade econômica

Além do impacto causado pela redução da atividade econômica em razão da pandemia, empresas alagoanas podem ter gastos também para adequação às normas da...

MS cria estratégias para reabastecimento de medicamentos contra Covid-19

Nesta terça-feira (25), o Ministério da Saúde anunciou estratégias de reabastecimento de medicamentos de intubação para estados e municípios como forma de enfrentamento à...

Reunião define funcionamento do comércio de Nova Venécia

Uma reunião, programada para acontecer na primeira quarta-feira,...

Leia também

Turista mineiro desaparece após entrar no mar da Praia do Morro em Guarapari

Turista mineiro desapareceu após mergulhar no mar da...

Mulher atropela e mata marido após discussão em Linhares

Ela foi encaminhada para o hospital em estado de choque. Homem morreu no local. Bombeiros tentaram resgatar homem mas ele não resistiu e morreu no...

Campanha novembro azul: Agência Sicoob de Ecoporanga está oferecendo exames gratuitos para homens acima de 45 anos

O mês de novembro “Novembro Azul”, é totalmente dedicado à saúde dos homens. Por isso a Agência Sicoob de Ecoporanga está oferecendo exames gratuitos...

Campanha novembro azul: Agência Sicoob de Ecoporanga está oferecendo exames grátis para homens acima de 45 anos

O mês de novembro “Novembro Azul”, é totalmente dedicado à saúde dos homens. Por isso a Agência Sicoob de Ecoporanga está oferecendo exames gratuitos...