Governo do Estado prevê orçamento de R$ 18,9 bilhões para 2021

Foto: Hélio Filho/Secom

O Projeto da Lei Orçamentária Anual (PLOA) 2021 foi encaminhado, nesta quarta-feira (30), pelo Governo do Estado para apreciação e votação da Assembleia Legislativa. O orçamento global previsto para o próximo ano é de aproximadamente R$ 18,9 bilhões, sendo 4,29% menor em relação à peça orçamentária de 2020. Com os recursos, a administração estadual vai investir, entre outros projetos, na construção, reforma e ampliação de hospitais, escolas erodovias. Também está prevista a realização de concursos públicos em cinco Secretarias e Órgãos.

As áreas estratégicas de Educação, Saúde, Segurança, Infraestrutura e Justiça estão entre as contempladas com maiores percentuais, em relação à receita global, com todas as fontes do orçamento. Para a Educação foram destinados aproximadamente R$ 2,685 bilhões; para a Saúde, R$ 2,681 bilhões; para a Segurança, R$ 1,778 bilhão; para a Infraestrutura; e para a Justiça, R$ 513 milhões.

Para o ano de 2021, o Governo do Estado prevê realização de concursos públicos em cinco Secretarias e Órgãos, considerados áreas com maior mobilidade de pessoal: as Secretarias da Fazenda (Sefaz), Educação (Sedu) e Justiça (Sejus), Polícia Civil e o Instituto de Atendimento Socioeducativo do Espírito Santo (Iases). De acordo com o secretário de Estado de Economia e Planejamento, Álvaro Duboc, caberá a cada órgão definir prazos e quantitativo de vagas para cada um desses concursos.

Recursos de Caixa

Recursos de Caixa do Estado disponíveis para o próximo ano são estimados em R$ 12,719 bilhões, sendo 5,14% menores do que os estabelecidos no PLOA 2020. Já para os demais Poderes e Órgãos independentes – Legislativo, Judiciário, Ministério Público, Tribunal de Contas e Defensoria Pública – o valor global previsto no PLOA 2021 chega a aproximadamente R$ 2,011 bilhões. 

Investimentos

O valor de investimentos previsto no orçamento do próximo ano é de aproximadamente R$ 1,949 bilhão, envolvendo recursos de todas as fontes, que envolvem os de Caixa do Governo e de operações de crédito do Estado com instituições financeiras como o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

As diretrizes que norteiam o orçamento do próximo ano, segundo o secretário Álvaro Duboc, são equilíbrio fiscal, fortalecimento das políticas públicas e a celeridade na execução dos investimentos programados.

A peça orçamentária de 2021, afirma o secretário, estabelece adequação das despesas à receita prevista e está alinhada com o Planejamento Estratégico do Governo. Leva em consideração também o atual cenário econômico, com o forte impacto causado pela pandemia do novo Coronavírus (Covid-19) na arrecadação do Estado.

Duboc ressalta, porém, que com planejamento e organização nas contas, mesmo com a previsão de queda de receita própria e de transferências da União, o Governo do Estado seguirá realizando investimentos visando ao desenvolvimento sustentável, equilibrado e regionalizado do Estado e à qualidade de vida da população.

Entre esses investimentos estão os que envolvem projetos de infraestrutura, como os de construção de rodovias, melhoria da mobilidade urbana e macrodrenagem, e também de hospitais, escolas, unidades policiais e prisionais.  

LOA

A Lei Orçamentária Anual (LOA) é um instrumento de planejamento de curto prazo, que prevê as receitas e despesas e os investimentos do Estado para o próximo ano. É compatível com o Plano Plurianual (PPA) e com a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e tem o objetivo de demonstrar todos os recursos que serão arrecadados (receita), assim como todos os valores a serem gastos (despesas) em um determinado exercício financeiro.

A elaboração do orçamento geral do Estado e o controle de sua execução, além da coordenação do Planejamento Estratégico da administração estadual e o gerenciamento intensivo dos projetos estratégicos do Governo estão entre as responsabilidades da Secretaria de Economia e Planejamento (SEP).

Leia mais

Ministério Público constata 685 casos de Coronavírus em asilos e abrigos do Espírito Santo

O acompanhamento semanal realizado pelo Ministério Público do Espírito Santo (MPES) constatou um total de 685 casos de pessoas contaminadas por Covid-19 em instituições...

Polícia prende suspeito de tráfico de drogas no bairro Estrala, em Barra de São Francisco

Na noite desta quinta-feira (20), policiais do 11º Batalhão encontram drogas e prederam um suspeito d tráfico no bairro Estrela, em Barra de São Francisco. Durante...

Sistema Integrado de Transportes é detalhado em portaria do MInfra

Pela primeira vez em anos, foi estabelecido um plano para integrar os sistemas de transportes brasileiros. Em portaria divulgada nessa semana (24), no Diário...

Motoristas cobram melhorias em trecho ‘sem dono’ da BR-262 no Espírito Santo

Um trecho de apenas 700 metros na BR-262, em Cariacica, no Espírito Santo, tem provocado acidentes e prejuízos a motoristas e motociclistas. O pedaço...

Leia também

Criminosos se passam por fiscais da Vigilância Sanitária para extorquir comerciantes em Colatina

Donos de bares e restaurantes de Colatina, na região Noroeste do Espírito Santo, estão recebendo ligações de golpistas se passando por agentes da Vigilância...

Com briga de Abraão e Jacy, eleitores procuram adversários

A briga do ex-prefeito Abraão Lincon e do atual prefeito Jacy Donato é o principal assunto político em Água Doce do Norte nos últimos...

PB: Governo dá início a piloto de pesquisa sobre Covid-19 na capital

O governo da Paraíba deu início a uma pesquisa inédita no Brasil sobre a Covid-19. Nessa terça-feira (27), agentes comunitários da saúde (ACS) e...