Governo do Estado entrega 580 pistolas e 21 viaturas para Polícia Civil

Foto: Hélio Filho/Secom

Fortalecer a segurança pública, reequipando as Polícias Civil e Militar e, por consequência, trazendo mais segurança aos cidadãos capixabas. Estas são algumas das premissas do Programa Estado Presente em Defesa da Vida, que teve mais uma ação nesta quarta-feira (10). O governador Renato Casagrande realizou a entrega de 580 novas pistolas e 21 viaturas descaracterizadas para a Polícia Civil do Espírito Santo (PCES), em um investimento total de R$ 2,3 milhões.

As 580 pistolas são do tipo Glock 22, de calibre .40, são destinadas a todos os policiais civis interessados no novo armamento e capacitados pela Academia de Polícia Civil (Acadepol). O investimento de R$ 1,4 milhão se soma à entrega de outras 920 novas pistolas, realizada em dezembro de 2019.

Já as 21 viaturas descaracterizadas são do modelo Volkswagen Gol 1.6, ano 2020, equipadas com ar-condicionado, direção hidráulica, vidro elétrico, câmera de ré, sirene e giroflex móvel. O valor total do investimento é de R$ 991 mil e os veículos serão utilizados em unidades policiais da Grande Vitória e do interior do Estado.

Em sua fala, o governador do Estado destacou o trabalho de fortalecimento das forças de segurança. “O Estado Presente une o trabalho policial com o social. Ontem demos ordem de serviço para reforma do Batalhão de Polícia Militar de Cachoeiro de Itapemirim e agora renovando as armas da Polícia Civil para dar mais segurança ao policial. São uma das armas mais avançadas do mundo para que nossos policiais tenham mais tecnologia e eficiência”, comentou.

Casagrande prosseguiu: “Estamos realizando um trabalho incansável de reestruturação das nossas forças policiais que vai desde a melhoria da infraestrutura, equipamentos, viaturas e valorização profissional. Teremos muitas outras entregas nos próximos dias. Vamos reestruturar a área da segurança pública e entregar em 2022 bem mais estruturada do que a encontramos em 2019.”

A solenidade contou ainda com a participação dos secretários de Estado da Segurança Pública e Defesa Social, coronel Alexandre Ramalho; de Economia e Planejamento, Álvaro Duboc, que coordena o Programa Estado Presente em Defesa da Vida; e o delegado-geral da Polícia Civil, José Darcy Arruda.

Ramalho destacou que os investimentos dão suporte ao trabalho da Polícia Civil e, consequentemente, permitem celeridade na elucidação de crimes. “O que tem de mais moderno no mundo em armamento está sendo entregue à Polícia Civil. Somadas às viaturas e outras entregas que foram realizadas esta semana, significa a reconstrução da Segurança Pública que o senhor governador vem fazendo no Estado do Espírito Santo”, disse.

Já o delegado-geral da Polícia Civil pontuou a importância do reaparelhamento da Corporação. “Quero agradecer mais uma vez à Vossa Excelência pela aquisição dessas armas e veículos, atendendo às diretrizes do Programa Estado Presente. São 580 pistolas de última geração que, somadas às que o senhor entregou em 2019, totalizam 1.500 armas, o que significa renovação para a Polícia Civil.  Os veículos também são importantes e vão atender a algumas unidades especializadas e delegacias do interior”, afirmou.

“Essa é mais uma importante entrega do Programa Estado Presente em Defesa da Vida, que mostra o vigor e a importância da política de Segurança Pública na atual gestão”, reforçou Duboc, citando ainda a contratação do projeto do Centro Integrado de Polícia Técnico-Científica, anunciada no início desta semana.

O deputado estadual Luiz Durão, presidente da Comissão de Segurança e Combate ao Crime Organizado da Assembleia Legislativa, também participou da entrega. “Gostaria de parabenizar o governador pela preocupação com a segurança. São armamentos que darão garantias aos policiais. A preocupação do Governo do Estado é diminuir a criminalidade e o parabenizo por isso”, disse.

 

Leia mais

Leia também