Governo diz que pretende atrair mais de R$ 40 bilhões de investimentos privados no setor ferroviário

Parceria firmada entre o Ministério da Infraestrutura e a Associação Nacional de Transportes de Passageiros sobre Trilhos (ANPTrilhos) prevê a implementação de ações de fomento no transporte ferroviário de pessoas no país. Segundo o Governo Federal, a malha ferroviária brasileira possui mais de 10 mil quilômetros ociosos ou com baixa utilização para o transporte de carga e que poderiam ser usados por passageiros. 

Nos próximos anos, o governo diz que pretende atrair mais de R$ 40 bilhões de investimentos privados no setor ferroviário. A estimativa é que a atual matriz ferroviária dobre no país nos próximos oito anos, segundo o Ministério da infraestrutura. 

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, em evento sobre o tema, ressaltou a importância do transporte ferroviário para a retomada da economia.

“Bilhões de reais vão ser investidos em ferrovias por meio da iniciativa privada. Isso demonstra que o Brasil está comprometido com o setor de Infraestrutura e mostra também que o governo está envolvido com o ajuste fiscal”, disse o titular da pasta.

Entre outros pontos, o acordo entre o Ministério da Infraestrutura e a ANPTrilhos também estabelece a implementação de medidas para a capacitação dos servidores do governo federal, o compartilhamento de informações, estudos e projetos.

Agenda regulatória do governo federal quer reduzir número de acidentes de trânsito

Sistema Integrado de Transportes é detalhado em portaria do MInfra

Tarcísio de Freitas afirma que mais investimentos em ferrovias vão trazer benefícios para o setor produtivo brasileiro. “Nós retomamos os investimentos ferroviários em grande estilo, levando ferrovias onde está a produção e aumentando a oferta desse modal”, explica.

Entre os investimentos privados que o governo pretende atrair ainda neste ano estão diversos projetos de malha ferroviária. Nesta terça-feira (15), a empresa de logística Rumo antecipou o pagamento de R$ 5,1 bilhões referentes a concessão da Malha Paulista e da Ferrovia Norte-Sul. O contrato está previsto para vencer em 2028.
 

Foto: Beth Santos/Secretaria Geral da PR

Leia mais

Tradicional festa da Fazenda Veloso é cancelada

A tradicional festa da Fazenda Veloso, em honra...

Atividade de cabotagem cresce 11,3% entre janeiro e abril

– Foto: Banco de imagens O setor portuário brasileiro, de forma geral, não registrou...

Espírito Santo chega a 2.256 mortes e 71.703 casos de Coronavírus; 50.106 pessoas estão curadas

Na comparação com os dados divulgados neste domingo (19), o aumento é de 34 mortes e 1.094 novos casos da doença. O Espírito Santo registrou,...

CNC prevê retração de 5,9% no setor de serviços

O volume de receitas do setor de serviços deve sofrer uma retração de 5,9% em 2020. A previsão é da Confederação Nacional do Comércio...

Leia também

Lançado programa Mineração e Desenvolvimento que vai estimular retomada do País

Palavras do Ministro de Estado de Minas e Energia, Almirante Bento Costa Lima Leite Albuquerque Junior. Foto: Carolina Antunes/PR O Governo Federal lançou, nesta segunda-feira...

Eleições 2020: A disputa nas terras do garimpo de minérios

A extração de minério pelo Brasil gera uma enorme quantia de recursos para a região de onde os diversos tipos de minerais são garimpados....

Ministério da Saúde libera recursos para 77 municípios

O Ministério da Saúde repassou R$ 21,3 milhões para 77 municípios reforçarem o enfrentamento à Covid-19 nas comunidades e favelas. Entre os objetivos do...

Conselhos de direitos dos idosos vão poder emitir declaração de funcionamento para instituições de longa permanência

Conselhos estaduais e municipais de direitos da pessoa idosa ou de assistência social vão poder emitir declaração de funcionamento das Instituições de Longa Permanência...