Governo celebra parcerias para implementação de projetos selecionados no Edital de Reinserção Social e Produtiva

Compartilhe

Foto: Hélio Filho/Secom

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Direitos Humanos (SEDH), contemplou oito projetos que visam à reinserção social e produtiva de pessoas com necessidades decorrentes do uso de álcool e outras drogas. A solenidade de entrega da premiação do edital ocorreu, nesta segunda-feira (27), no Palácio Anchieta, em Vitória.

O governador do Estado, Renato Casagrande, explicou a importância do trabalho desenvolvido pelas entidades. “Essa é uma excelente oportunidade que podemos dar para essas pessoas. Fico desesperado em ver tanta gente nas ruas, vivendo com a dependência química. Por mais que a gente trabalhe, alcançamos um número pequeno de pessoas. E isso exige que a gente possa ofertar uma porta de entrada para um atendimento e uma porta de saída para dar dignidade. Fundamental trabalhar a prevenção, pois a cura é um processo mais demorado. Importante ter um local para as pessoas procurarem, como a Rede Abraço. Cada entidade que está aqui, tem um número limitado de pessoas que pode receber. Mesmo que a gente não consiga atender todos que estão nas ruas, vamos fazer nossa parte e ganhar escala para fazer cada vez mais”, disse.

Entre os projetos selecionados, quatro estão inseridos no Eixo Temático I – Inserção do Mundo de Trabalho, e quatro no Eixo Temático II – Fortalecimento da Convivência Social e Comunitária. Graças à parceria, cada um deles receberá o valor de R$ 60.000,00 para implementação ou fortalecimento da iniciativa. A ação está inserida no Plano Geral de Reinserção Social da Rede Abraço, que é coordenada pela Subsecretaria de Políticas sobre Drogas (SESD) da Secretaria de Direitos Humanos.

“Há muito preconceito contra usuários e usuárias de drogas, assim como existem muitos preconceitos contra os direitos humanos, mas estes projetos hoje contemplados nada mais são do que promoção e defesa de direitos humanos. Cada vez que conseguimos alcançar uma pessoa com dependência química, também alcançamos e promovemos direitos humanos. Oportunizar trabalho e convívio social é extremamente importante e entendemos que cada projeto faz muito, mas que com os recursos oportunizados pelo edital, vão poder fazer muito mais, sendo também um grande reconhecimento pelo que já é realizado”, frisou a secretária de Estado de Direitos Humanos, Nara Borgo.

“É muito importante que, para além do cuidado com as pessoas que estão enfrentando problemas com álcool e outras drogas, que nós também tenhamos políticas para que elas voltem a ser inseridas na sociedade e tenham uma vida digna, pois essa mesma sociedade é a que muitas vezes fecha as portas para elas. Esta é mais uma inovação da Rede Abraço, que em sua nova versão apresentou em um de seus eixos uma política voltada para a reinserção social e produtiva, que temos muito orgulho em poder executar”, disse o subsecretário de Estado de Políticas sobre Drogas, Carlos Lopes, que coordena a Rede Abraço.

 

Conheça os projetos contemplados pelo Edital de Reinserção Social e Produtiva:

Eixo temático I – Inserção no mundo do trabalho

A superação, gera ação!
Proponente: Cáritas Diocesana de Colatina – Comunidade Terapêutica Betânia
Atividades: Substituição do telhado da “padaria escola” e curso de panificação

Capacitação profissional em Barbearia
Proponente: Instituto Horta de Vida
Atividades: Curso de barbeiro

Associação de Prevenção e Assistência aos Dependentes de Drogas
Proponente: APADD Projeto Renascer
Atividades: Curso de barbeiro

Fermentando novas mãos de obras
Proponente: Grupo Resgate São Francisco de Assis
Atividades: Compra de equipamentos e curso de panificação

Eixo temático II – Fortalecimento da convivência social e comunitária

Sambar,Viver e Resistir
Proponente: Instituto Raízes
Atividades: Oficinas artísticas do samba e vivências do Carnaval

O despertar para a vida: Uma prática cultural
Proponente: Associação de Prevenção e Assistência à Dependência Química Luz e Vida
Atividades: Práticas esportivas e oficinas de musicoterapia e arteterapia

Do outro lado da lente
Proponente: Instituto de Consciência Antidrogas (ICAD)
Atividades: Aquisição de equipamentos e oficinas de fotografia

Espaço para práticas corporais
Proponente: Alfa Comunidade Terapêutica
Atividades: Construção de espaço para a prática de atividades físicas

 

Leia também

Santos começa a defender o título de campeão da Copa Norte no dia 28 deste mês, contra o São Domingos

O Santos de Barra de São Francisco, também conhecido como o Terror do Norte, começa a defender o...

Exponoroeste já tem 94 expositores pré-selecionados e lista de espera

A I Exponoroeste, que acontece de 25 a 29 deste mês no terreno onde será construída a nova...

Festa do livro portuguesa homenageia o Brasil

Começou hoje (16), no Templo da Poesia, em Oeiras, Portugal, a segunda edição da Travessia das Letras –...

Cadastro Nacional de Informações Sociais é tema do Brasil em Pauta

Um cadastro que contém informações de mais de 35 milhões de brasileiros para que o governo possa acessar...

Encontro de formação para diretores e supervisores escolares pelo programa Educar pra Valer

  Dando continuidade aos estudos para gestores, a Secretaria Municipal de Educação (Seme), por meio da parceria com a...

‘Fuga de jalecos’: a onda de profissionais da saúde que trocam Brasil pelos EUA

Os Estados Unidos encerraram o mês de março com 11,5 milhões de vagas de emprego abertas - o...

Nova Venécia anuncia Badinho Alves para comandar equipe na Copa Espírito Santo 2022

Na estreia do Nova Venécia na Copa Espírito Santo 2022, não será Cássio Barros quem comandará a equipe....