Governador participa do acolhimento aos novos profissionais do Programa Qualifica APS

Foto: Hélio Filho/Secom

O governador do Estado, Renato Casagrande, e o secretário de Estado da Saúde, Nésio Fernandes, deram as boas-vindas aos 76 novos profissionais que atuarão no aperfeiçoamento da Atenção Primária capixaba, por meio do Programa de Qualificação da Atenção Primária, do Instituto Capixaba de Ensino, Pesquisa e Inovação em Saúde (ICEPi). A solenidade aconteceu na manhã desta quarta-feira (21), no auditório do Centro Universitário Salesiano (UniSales), em Vitória.

No evento foram apresentados os 45 novos supervisores, convocados por meio dos Editais ICEPi/SESA Nº 011 e 012/2020, sendo 11 médicos, 22 enfermeiros e 12 cirurgiões-dentistas. Também foram apresentados os 31 profissionais em formação em Atenção Primária à Saúde (APS), convocados pelo Edital ICEPi/SESA Nº 013/2020, sendo 29 médicos e dois cirurgiões-dentistas, que atuarão nas equipes de Saúde da Família e que se juntarão aos mais de 500 profissionais do Programa em 59 municípios capixabas.

“Estamos começando hoje uma semana de capacitação e esse momento de acolhimento tem sido sempre bom. Vejo em cada município que visitamos o ânimo dos secretários e dos bolsistas. Espero que o Governo Federal possa compreender a necessidade de nos libertarmos desse vírus e enquanto não vier a vacina, não teremos a capacidade de voltar para certa normalidade. O enfrentamento à pandemia tem sido duro aos profissionais da saúde e aos gestores, mas deixaremos um nível de desenvolvimento e pesquisa jamais visto”, afirmou o governador.

Casagrande lembrou dos desafios da APS e a importância dos profissionais no contexto da saúde pública. “Estruturar a atenção primária é fundamental e caso tenha a vacina, já em janeiro, que a gente consiga vacinar as pessoas do grupo de risco. Esse programa se iniciou no ano passado em parceria com os municípios e desde o nosso primeiro mandato nossa prioridade tem sido a atenção primária. Com um profissional resolutivo no interior, na comunidade, na base da sociedade, resolvemos o problema da pessoa e do sistema da saúde. E você só é resolutivo naquilo que gosta de fazer. Já estamos chegando a 600 bolsistas no Estado e presentes em 59 municípios”, pontuou.

O secretário Nésio Fernandes, que ministrou a aula magna sobre “Os desafios atuais da APS”, ressaltou a importância do modelo de formação proposta pelo Governo do Estado aos profissionais da saúde capixaba.

“Que com o governo Casagrande, a iniciativa do ICEPi e a parceria com a Sociedade de Medicina de Família e Comunidade, nós possamos construir diversas pontes com ensino e pesquisa no Estado do Espírito Santo na perspectiva de transformar toda a rede de serviço em rede de pesquisa para a formação profissional. Acreditamos no modelo de formação que estamos conduzindo e acreditamos que vocês possam ser capazes de transformar as problematizações aqui apresentadas em realidade”, disse o secretário da Saúde.

Formação aos supervisores

Ao longo da tarde desta quarta-feira (21), os supervisores darão continuidade ao curso de formação com dinâmicas e oficinas que visam a iniciar a capacitação desses profissionais, além de possibilitar a aproximação com as metodologias, estratégias educacionais e o cenário de prática que irão atuar. Os encontros tiveram início nessa terça-feira (20), com apresentação dos participantes e do Programa, e seguem nas próximas segunda-feira (26) e terça-feira (27).

De acordo com o diretor geral do ICEPi, Fabiano Ribeiro dos Santos, os supervisores, além da supervisão nas atividades docente-assistenciais, também estarão em campo no desenvolvimento e aperfeiçoamento de processos inerentes à prática clínica. “Essa abordagem, com trabalho dos supervisores médicos, enfermeiros e cirurgiões-dentistas, auxilia na reorganização dos processos de trabalho das equipes que estão em campo, além do apoio educacional aos profissionais, com encontros teóricos e na supervisão nas unidades”, destacou.

Ainda segundo o diretor, o início das atividades de campo está previsto para o início de novembro.

Qualifica APS

O Programa de Qualificação da Atenção Primária (Qualifica APS) tem como objetivo ampliar a resolutividade da Atenção Primária à Saúde com foco na Estratégia de Saúde da Família e efetivar a Política de Educação Permanente em Saúde por meio da integração ensino-serviço, proporcionando a formação de profissionais de saúde para atuação no Sistema Único de Saúde.

Os supervisores convocados participaram do processo seletivo simplificado para atuação de profissionais médicos, enfermeiros e cirurgiões-dentistas, referentes aos editais ICEPi/SESA Nº 011/2020 e 012/2020. O valor da bolsa para enfermeiros e cirurgiões-dentistas poderá variar de R$ 3.000,00 a R$7.000,00, enquanto para os profissionais médicos a bolsa varia de R$ 7.000,00 a R$ 16.000,00.

Já os médicos, enfermeiros e cirurgiões-dentistas, profissionais em formação em APS, foram convocados por meio do Edital ICEPi/SESA Nº 013/2020. O valor da bolsa pode variar de R$ 3.500,00 a R$ 11.865,00.

Leia mais

Acusado de furtar celular e jogar no rio é preso em Nova Venécia

Após um furto ocorrido no bairro Margareth, em Nova Venécia, no último sábado, 06/06/2020, por volta das 10h40min, onde foi subtraído um aparelho celular...

Emissoras de rádio e TV estão proibidas de exibir conteúdos com alusão ou críticas a candidatos

Começou nesta quinta-feira (17) o período para que emissoras de rádio e televisão passem a observar as restrições ao conteúdo que transmitem sobre candidatos,...

Clipe de Billy Forrozão ultrapassa 80 mil visualizações no Facebook

O cantor, Billy Forrozão, 31 anos, lanço, na...

Leia também

Mais de 4 mil municípios recebem R$ 1,5 bilhão para investir na cultura

Até junho de 2019, 75% dos municípios, ou 4775 cidades brasileiras, completaram 12 anos sem recursos do Governo Federal para políticas públicas na área...

Oito equipes vencem o Inova Senai 2020

Com propostas de soluções para demandas reais da sociedade e da indústria brasileira, estudantes do Serviço Nacional de Aprendizagem (SENAI) desenvolvem projetos inovadores ao...

Plano Novo Normal Paraíba mostra aumento de transmissão da Covid-19 no estado

A 13ª avaliação do Plano Novo Normal Paraíba revela que houve aumento na taxa de transmissão da Covid-19 nos últimos 15 dias. A avaliação...

Número de empregados na agricultura fica normalizado

Após o primeiro impacto causado na economia e no mercado de trabalho devido à pandemia do novo coronavírus, o número de empregado no setor...