Gestão do SUS capixaba durante a pandemia é tema de documentário no Canal Saúde • SiteBarra

Gestão do SUS capixaba durante a pandemia é tema de documentário no Canal Saúde

As boas práticas na gestão do Sistema Único de Saúde no Espírito Santo desde o início da pandemia do novo Coronavírus (Covid-19) serão tema de documentário produzido pelo Canal Saúde, da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). 

Previsto para divulgação no primeiro semestre de 2022, o material faz parte do projeto “Experiências exitosas de enfrentamento à pandemia de Covid-19, no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS)”, organizado pelo Canal Saúde, em parceria com o Conselho Nacional de Saúde e a Organização Panamericana de Saúde (OPAS).

Segundo a superintendente do Canal Saúde, Marcia Correia e Castro, o Espírito Santo foi indicado pelo Conselho Nacional como um exemplo de gestão do SUS que poderia ter sido realizada em todo o País. “Toda ideia da série de vídeos é da Comissão Intersetorial de Recursos Humanos e Trabalhos em Saúde, do Conselho Nacional de Saúde, sobre experiências bem-sucedidas no SUS de enfrentamento à pandemia da Covid-19, algumas pautas foram apresentadas pelo próprio Conselho, que indicou especificamente o Espírito Santo. Outras pautas nós mesmos identificamos”, disse. 

Para o secretário de Estado da Saúde, Nésio Fernandes, a indicação e participação do Estado na série de vídeos mostra que a aposta e os esforços do Governo em defesa da vida valeram e continuam valendo a pena. 

“O Sistema Único de Saúde é composto por entidades muito reconhecidas e de excelência. É uma grande oportunidade poder documentar o que vivemos na pandemia em um projeto independente da Fiocruz e apontar a perspectiva de vencer desafios do passado a partir da decisão do governador Renato Casagrande, em concentrar todos os esforços na defesa da vida, na ciência e no fortalecendo do SUS”. 

Ao longo dos três dias que a equipe do Canal Saúde ficou no Estado para a produção, passou pelos hospitais estaduais Dr. Jayme Santos Neves e Dório Silva, localizados na Serra, para conversar com os trabalhadores que atuam na ponta do atendimento aos casos graves da Covid-19, além de colher depoimentos da gestão de saúde de Viana.  Além disso, também esteve na sede da Secretaria da Saúde (Sesa), em Vitória, para conversar com o secretário Nésio Fernandes e a equipe de assistência à saúde, vigilância e regulação. 

“Uma coisa que me chamou muita atenção foi a articulação entre o Estado e os municípios. Percebemos que isso está muito bem feito, o que é fundamental para fazer tanto o SUS funcionar de um modo geral quanto para fazer o enfrentamento a uma emergência sanitária”, destacou a superintendente do Canal Saúde.