Gerência de Proteção à Mulher e PMES promovem capacitação para policiais da Patrulha Maria da Penha

Compartilhe

Nessa terça-feira (31), 43 policiais militares que atuam na Patrulha Maria da Penha participaram de uma capacitação para atendimento às ocorrências de violências doméstica e familiar. O encontro faz parte do Programa de Formação Continuada da Patrulha Maria da Penha, promovido pela Gerência de Proteção à Mulher (GPM), da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (Sesp), em parceria com a Divisão de Direitos Humanos e Polícia Comunitária (DDHPC), da Polícia Militar do Espírito Santo (PMES).

Os militares que receberam a capacitação atuam tanto em setores administrativos quanto na realização das visitas tranquilizadoras do Programa Patrulha Maria da Penha. No encontro, os policiais receberam esclarecimentos importantes sobre o dia a dia de quem lida com ocorrências relacionadas à violência de gênero.

A 3º sargento PM Rafaella Vieira Albuquerque falou sobre o Termo de Cooperação Técnica, firmado com o objetivo de definir o fluxo de atendimento às mulheres assistidas pelas visitas tranquilizadoras. O Termo foi assinado pela Sesp, PMES e pelo Tribunal de Justiça do Espírito Santo (TJES).

A assessora da GPM/Sesp e delegada de Polícia Civil, Natália Tenório, destacou os aspectos, aplicações e atualizações da Lei Maria da Penha. “A Lei Maria da Penha passou por atualizações no ano passado, o que precisa ser difundido e discutido. As políticas públicas de proteção à mulher são desenvolvidas a muitas mãos e é importante que todos os atores estejam atualizados com relação à lei e suas aplicações. Esses encontros são uma oportunidade para a troca de experiências e difusão de conhecimento”, disse.

O Programa de Formação Continuada da Patrulha Maria da Penha ainda oferecerá outros encontros. As unidades da PMES interessadas em participar do ciclo de capacitação podem fazer a solicitação por meio de CI encaminhada à DDHPC ou ao Comando-geral.

 

Texto: Camila Ferreira

 

Assessoria de Comunicação da Sesp
Victor Muniz
(27) 3636-1572 / 99284-3303
comunicasespes@gmail.com 

Leia também

‘Me senti um nada’, diz mãe de menina de 11 anos que teve aborto negado

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A mãe da criança de 11 anos que engravidou após ser vítima de...

Moradora de Nova Venécia muda história de vida através do trabalho com as unhas

  Uma história que pode servir de exemplo para muitas pessoas é a da nails designer ou, designer de...

Bolsonaro sanciona perdão de até 99% em dívidas do Fies

MATHEUS TEIXEIRA BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - O presidente Jair Bolsonaro (PL) sancionou nesta quarta-feira (22) a medida provisória...

Marinha anuncia criação de lancha não tripulada para monitoramento

A embarcação foi adaptada a partir da lancha Urca-III, que recebeu a instalação de uma série de sistemas...

PRÉ-NATAL ODONTOLÓGICO: Ministério da Saúde premia municípios por cumprimento de metas

Para incentivar os municípios a ampliar a oferta de pré-natal odontológico, o Ministério da Saúde está "premiando" com...

Falcão é o novo responsável pela carreira do Luva de Pedreiro

SÃO PAULO, SP (UOL-FOLHAPRESS) - Falcão, um dos maiores nomes da história do futsal, é o novo responsável...

MG: mulher mata marido após ele chamá-la de “velha e gorda”

A polícia no município de Itajubá, no sul de Minas Gerais, prendeu duas mulheres, de 38 e 33...

Nova Venécia se despede do saudoso Toninho Aranha

Nova Venécia está em luto. Morreu na tarde deste domingo, dia 26, Toninho Aranha, aos 73 anos. A informação...