Gastos para minimizar efeitos da pandemia chegam a R$ 285 bilhões

Até a última terça-feira (28), o governo federal havia gastado efetivamente R$ 285,7 bilhões com o combate à pandemia da covid-19 por meio de Medidas Provisórias. O valor representa 56% dos R$ 509,6 bilhões liberados para este fim. Os números são da Consultoria de Orçamento e Fiscalização Financeira da Câmara dos Deputados.

Até o momento, o maior gasto efetivo foi com o auxílio emergencial de R$ 600. Em relação a esse benefício, dos R$ 254,2 bilhões autorizados, foram pagos R$ 166,9 bilhões. A auxílio foi liberado por meio das MPs 937/20, 956/20, 970/20 e 988/20.

Auxílio emergencial melhora padrão de vida em mais de 23 milhões de domicílios, diz estudo do Ministério da Economia” target=”_blank”>Auxílio emergencial melhora padrão de vida em mais de 23 milhões de domicílios, diz estudo do Ministério da Economia

Leia mais

Leia também