Fundador do Telegram cita ‘problema com e-mails’ e pede desculpas por negligência após ordem de bloqueio

Compartilhe

 

O fundador do Telegram, Pavel Durov, disse nesta sexta-feira (18) que um problema com e-mails impediu a plataforma de receber determinações judiciais. Ele também solicitou um adiamento por alguns dias da ordem de bloqueio do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF).

“Parece que tivemos um problema com e-mails entre nossos endereços corporativos do telegram.org e o Supremo Tribunal Federal. Como resultado dessa falha de comunicação, o Tribunal decidiu proibir o Telegram por não responder”, escreveu o empresário russo, que criou o app com o irmão Nikolai Durov.

“Em nome de nossa equipe, peço desculpas ao Supremo Tribunal Federal por nossa negligência. Definitivamente, poderíamos ter feito um trabalho melhor”, continuou.

A Justiça intimou o Telegram por meio de quatro e-mails e também via quatro advogados brasileiros.

O empresário lembrou que, em fevereiro, o aplicativo cumpriu uma decisão judicial no Brasil. Ele se referiu à ordem de Moraes para bloquear três perfis ligados ao blogueiro bolsonarista Allan dos Santos.

Durov disse que o Telegram enviou à Justiça brasileira uma sugestão de enviar futuras solicitações para um e-mail dedicado a isso. Mas, segundo ele, o STF enviou os pedidos para o e-mail errado.

“Infelizmente, nossa resposta deve ter sido perdida, porque o Tribunal usou o antigo endereço de e-mail de uso geral em outras tentativas de entrar em contato conosco”, publicou.

“Como resultado, perdemos sua decisão no início de março que continha uma solicitação de remoção de acompanhamento. Felizmente, já o encontramos e processamos, entregando hoje outro relatório ao Tribunal”.

Em sua mensagem, Durov disse que milhões de brasileiros usam o Telegram para conversar com familiares e amigos. O aplicativo conta com mais de 500 milhões de usuários em todo o mundo.

Raio x do Telegram — Foto: Arte / g1
Raio x do Telegram — Foto: Arte / g1

Ele afirmou que um novo prazo para cumprir a decisão permitirá ao Telegram indicar um representante no Brasil e criar uma estrutura para lidar com futuros casos urgentes.

Durov também disse que as últimas três semanas foram inéditas para o mundo e para o Telegram. Ele afirmou que a equipe de moderação de conteúdo foi “inundada com solicitações de várias partes”.

“Estou certo de que, uma vez estabelecido um canal de comunicação confiável, poderemos processar com eficiência as solicitações de remoção de canais públicos que são ilegais no Brasil”, afirmou.

Fundador do Telegram cita ‘problema com e-mails’ e pede desculpas por negligência após ordem de bloqueio

Pavel Durov em evento na Indonésia em 2017 — Foto: Tatan Syuflana/AP

Leia também

Nova Venécia poderá ter sete candidatos a deputado estadual

  Já está praticamente definida a relação dos candidatos a deputado estadual que residem ou já residiram em Nova...

Dega do Altoé anuncia licitação para asfaltar Avenida e ruas em Nova Venécia

  O vereador Dega do Altoé (PDT), parabenizou o prefeito André Fagundes e divulgou que no próximo dia 18,...

Roubo e invasão de propriedade neste início de semana em Nova Venécia

Na manhã desta segunda-feira (01), no Bairro Cohab, em Nova Venécia, uma senhora de 71 anos foi vítima...

10 mil vagas em cursos profissionalizantes on-line para mulheres: saiba como se inscrever

  O governo do Espírito Santo abriu inscrições para 10 mil vagas em cursos on-line e gratuitos para exclusivos...

Manato anuncia Bruno Lourenço como vice na chapa para o governo do Espírito Santo

  Manato (PL) e Bruno Lourenço (PTB) — Foto: Letícia Gonçalves/Rede Gazeta O candidato ao governo do Espírito Santo Carlos...

Prefeitura inicia reformas do local onde funcionará a sede de atenção aos idosos e gestantes

A prefeitura de Barra de São Francisco, através da equipe da secretaria de Serviços Públicos deu início nesta...

Mais de 3 mil recenseadores iniciam visitas a domicílios do Espírito Santo para Censo 2022: veja como identificá-los

  Trabalhadores do IBGE começam a ir às ruas no ES para coletar dados do Censo 2022 Começa nesta segunda-feira...

Michel Teló, Ferrugem, Delacruz, Bin e mais: veja a agenda cultural do Espírito Santo

Confira a agenda cultural com shows e outros eventos marcados no Espírito Santo nos próximos dias.     Veja mis detalhes...