Fernanda Milanese, do Solidariedade, é eleita prefeita de Boa Esperança, ES

Fernanda Milanese, do Solidariedade, foi eleita, neste domingo (1°), prefeita de Boa Esperança (ES), pelos próximos 3 anos e 4 meses. Ao fim da apuração, Fernanda teve 50,14% dos votos. Foram 3.841 votos no total.

Em abril, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) manteve o indeferimento ao registro de Romualdo Milanese (Solidariedade), candidato mais votado para prefeito em 2020, e uma nova eleição foi convocada. Desde 1º de janeiro a cidade é governada interinamente pelo presidente da Câmara de Vereadores, Renato Barros (Solidariedade).

A candidata derrotou Claudio Boa Fruta, que ficou em segundo lugar com 42,51% (3.257 votos).

A eleição em Boa Esperança teve 2,79% de abstenção, 1,06% votos brancos e 1,73% votos nulos.

Fernanda tem 36 anos, é casado, tem ensino superior completo e declara ao TSE a ocupação de enfermeira. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 33.000.

O vice é Leandro da Associação, do PDT, que tem 40 anos.

Os dois fazem parte da coligação Boa Esperança Para Todos, formada pelos partidos Solidariedade, PDT, PT, PSL, Cidadania e PSB.

Veja o resultado após o fim da apuração:

  • Fernanda Milanese – Solidariedade – 50,14%
  • Claudio Boa Fruta – DEM – 42,51%
  • Antônio José – Republicanos – 7,35%
Fernanda Milanese (Solidariedade) é eleita prefeita de Boa Esperança, no ES — Foto: Redes Sociais

Fernanda Milanese (Solidariedade) é eleita prefeita de Boa Esperança, no ES — Foto: Redes Sociais