Feira Sabores da Terra oferece produtos a partir de R$ 5,00

Cocada e biscoito de café, doce de leite de búfala, pão de abóbora, geleia de pimenta, torresmo de rolo, café especial com notas de frutas vermelhas, entre outras delícias do campo e da cidade estarão disponíveis na Feira Sabores da Terra 2021, que começa nesta quinta-feira (29), às 16 horas, na Praça do Papa, em Vitória.

A feira tem entrada gratuita e vai possibilitar ao visitante fazer um tour gastronômico e cultural pelos sabores e belezas do Espírito Santo. Para que isso aconteça, a Agência de Desenvolvimentos das Micro e Pequenas Empresas e do Empreendedorismo do Estado (Aderes) viabilizou a participação de mais de 700 empreendedores, sendo cerca de 300 expondo diretamente na feira. Em sua maioria, os empreendedores fazem parte da Agricultura Familiar, mas também da Economia Solidária, Microempreendedor Individual (MEI) e do Artesanato Capixaba.

A presidente da Associação do Agroturismo da Serra (Agrotur), Stefanie Spandel Falqueto, vai participar da feira com produtos, como biscoito e cocada de café, geleias, compotas, pães, entre outros. A empreendedora contou que os produtos podem ser encontrados com valores a partir de R$ 5,00.

“Ficamos seis meses sem produzir nada por conta da pandemia do novo Coronavírus e, no ano passado, não conseguimos participar da feira, mas este ano não vamos ficar de fora e estamos muito otimistas com o resultado”, disse.

Outro empreendimento que também estará presente na Feira é o Café Canarinho, do produtor Renan Pereira da Silva. O empreendedor da agricultura familiar de Domingos Martins conta que vai levar cafés especiais selecionados 100% arábica, com notas de frutas vermelhas, caramelo, açúcar mascavo, garapa, entre outros sabores. O pacote de 250 gramas pode ser encontrado no valo de R$ 16,90 a R$ 39,00, dependendo do tipo de café.

Já o agricultor Dilton Ruas Alves, do laticínio Sabor nas Montanhas, de Venda Nova do Imigrante, vai apresentar um iogurte de pimenta com gengibre e abacaxi com pimenta, além de ricota defumada e temperada com limão, entre outras delícias. “Vamos levar para a feira uma grande variedade de produtos do nosso laticínio, com valores que vão variar de R$ 10 a R$ 100, dependendo do tipo produto. Estamos esperançosos de fazer boas vendas na feira e, por isso, vamos trabalhar com preços especiais”, destacou Alves.

De acordo com o diretor-presidente da Aderes, Aberto Farias Gavini Filho, o Governo do Estado tem desenvolvido ações que visam a retomada da economia. Somente no ano passado, quando começou a pandemia até o fim do ano, a Aderes investiu cerca de R$ 2,2 milhões em ações estratégicas para o fomento do empreendedorismo, entre capacitações, consultorias, entrega de cestas básicas e a realização de oito feiras de comercialização de produtos.

 “A retomada das feiras comerciais, neste momento, é de extrema importância para os empreendedores dos segmentos que atendemos, pois vai dar oportunidade para a comercialização de seus produtos. Porém, a feira não é importante somente para a venda, mas também uma forma de divulgar os produtos. É um espaço de comercialização, divulgação e fortalecimento do pequeno negócio. Além disso, esse modelo de feira criado pela Aderes e seus apoiadores se tornou uma referência nacional de eventos realizados durante a pandemia”, enfatizou Gavini Filho.

 

Evento seguro para expositores e visitantes

A Sabores da Terra vai ocorrer seguindo todas as normas sanitárias estabelecidas na Portaria Nº 198-R, de 03 de outubro de 2020, da Secretaria da Saúde (Sesa), que normatiza as regras aplicadas em eventos corporativos, acadêmicos, técnicos e científicos, além de sociais, entre outros, proporcionando segurança para os empreendedores e visitantes.  

A feira vai disponibilizar dispenser de álcool em gel 70% e pia para higienização das mãos, por todo o percurso do evento. Além disso, vai contar com percurso em sentido único, distanciamento de 1,5 metro e uso de máscaras obrigatório, entre outras ações.

 

Organização da Feira

A Feira Sabores da Terra é organizada por Ademir Dadalto e conta com apoio do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), Agência de Desenvolvimento de Micro e Pequenas Empresas do Espírito Santo (Aderes) e Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar).

 

Serviço:

O evento tem entrada gratuita e acontece de 29 de julho a 1° de agosto, na Praça do Papa, em Vitória.

Horários:

Quinta-feira e sexta-feira: 16h às 22h
Sábado: 10h às 22h
Domingo: 10h às 18h