Fapes abre Edital Taxa de Pesquisa com investimento de mais de R$ 1 milhão para 40 auxílios financeiros

Compartilhe

A Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Espírito Santo (Fapes) abriu o Edital 04/2021 – Taxa de Pesquisa, com investimento de R$ 1.152 milhão para os bolsistas de Produtividade em Pesquisa (PQ) ou Produtividade em Desenvolvimento Tecnológico e Extensão Inovadora (DT), do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) de nível dois, vinculados a instituições de ensino ou pesquisa, pública ou privada sem fins lucrativos, no Espírito Santo. O recurso é oriundo do Fundo Estadual de Ciência e Tecnologia do Espírito Santo (Funcitec) e será distribuído em 40 auxílios financeiros referentes às taxas de pesquisa, com duração de até 36 meses. 

O secretário de Estado de Inovação e Desenvolvimento Econômico, Tyago Hoffmann, comentou sobre os objetivos do investimento. “Com a concessão da Taxa de Pesquisa da Fapes, o Governo do Estado busca fomentar a pesquisa e a inovação capixaba, projetando em um futuro próximo ótimos resultados. O aumento da visibilidade e representatividade da comunidade científica capixaba no País e no exterior será uma das consequências do edital e, com isso, o reconhecimento de que o Espírito Santo é um Estado que investe no desenvolvimento cientifico”, destacou Hoffmann. 

As propostas podem ser submetidas até as 17h59 do dia 28 de maio, pelo sistema de cadastro de pesquisadores e pesquisas da Fapes, o SigFapes (www.sigfapes.es.gov.br). Os recursos do edital poderão ser utilizados para despesas de capital e custeio relacionadas às atividades de pesquisa, exceto para pagamento de bolsas, de acordo com a Resolução 217/2018 do Conselho Científico-Administrativo da Fapes (CCAF). 

“Para um pesquisador dedicado a uma atividade de pesquisa, como é o bolsista de produtividade do CNPq, o Edital Taxa de Pesquisa representa muito. O edital permite que se cubra pequenas despesas do dia a dia que, normalmente, os recursos destinados à pesquisa não admitem e também permite usar o recurso com um pouco mais de liberdade. Isso dá um grande ganho de qualidade para o pesquisador”, afirmou a diretora presidente da Fapes, Cristina Engel. 

A diretora presidente também lembrou de quando foi bolsista contemplada pelo Edital Taxa de Pesquisa. “Fui uma das que usufruiu da Taxa de Pesquisa quando a Fapes lançou o primeiro edital no segmento, em 2012, e para mim foi muito importante. Esse é um dos motivos que nós mantivemos esse edital, mesmo em períodos tão difíceis para financiamento de pesquisa. Consideramos que esse recurso é fundamental para incentivar as atividades de pesquisa no Espírito Santo”, disse. 

Serviço:

O que é o Edital Taxa de Pesquisa?

Auxílio financeiro para contribuir para a excelência dos pesquisadores nível dois em produtividade no CNPq, para que alcancem o nível um (máximo). Os recursos são para despesas de capital e custeio relacionados às atividades de pesquisa.

Quem pode participar?

Bolsistas em nível dois de Produtividade em Pesquisa (PQ) ou Produtividade em Desenvolvimento Tecnológico e Extensão Inovadora (DT) do CNPq, que estejam vinculados à instituição de ensino ou pesquisa, pública ou privada, localizadas no Espírito Santo.

Total de investimento?

R$ 1.152.000,00

Total de auxílios financeiros?

40

 

Leia também

Com 12 clubes definidos, Santos de Barra de São Francisco estreia na Copa Norte dia 28

A competição mais badalada do Espirito Santo, a 16º Copa Norte de futebol amador terá início dia 28...

Nova Venécia tem mutirão preventivo contra a dengue no interior

  A Prefeitura de Nova Venécia, por meio da Secretaria de Saúde, vem fazendo um preparo preventivo no município...

AMAZÔNIA PRA ELAS: Programa do Basa estimula empreendedorismo entre mulheres

Quase metade dos empreendedores no Brasil são mulheres. Segundo dados do Relatório de Empreendedorismo no Brasil 2020, da...

Francisquenses elogiam ampliação da calçada na avenida Jones dos Santos Neves

“Está ficando muito bom, as calçadas estão cheias de buracos e difícil de passar, com essa mudança fica...

Bombeiros resgatam tamanduá em poste de Colatina

Um morador registrou o resgate de um tamanduá na manhã desta quinta-feira (12), em Colatina, Noroeste do Espírito...

Semana está sendo de avaliação dos alunos de 2º ao 5º ano da rede municipal de ensino

Desde o início desta semana, as escolas da rede municipal de ensino estão realizando provas para avaliação dos...