Exportações do agronegócio batem recorde em dezembro e no ano de 2021

Compartilhe

As exportações do agronegócio alcançaram valores recordes para o mês de dezembro passado e também para o ano de 2021. Foram US$ 9,88 bilhões, valor recorde para os meses de dezembro: 36,5% superior aos US$ 7,24 bilhões de 2020. Em 2021, o total exportado com o agronegócio resultou em US$ 120,59 bilhões, alta de 19,7%, em relação ao ano anterior, conforme dados divulgados nessa quinta-feira (13/01) pelo Governo Federal, por meio da Secretaria de Comércio e Relações Internacionais (SCRI), do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

Embarques em dezembro/2021

O mês de dezembro de 2021 teve desempenho favorável devido ao forte aumento dos preços dos produtos exportados (22,5%) e, também, da expansão do volume destas exportações (11,4%).

Além dos preços elevados, houve recorde no volume exportado pelo Brasil no agronegócio (15,62 milhões de toneladas). De acordo com os analistas da SCRI, os destaques foram para soja em grãos (2,71 milhões de toneladas; +889,5%); farelo de soja (1,72 milhão de toneladas; +82%); celulose (1,64 milhão de toneladas; +28,8%); e carnes (667 mil toneladas; +3,3%).

Com este cenário, preços elevados e aumento do volume exportado, a participação do agronegócio nas exportações brasileiras voltou a crescer. Em dezembro de 2020, as exportações do agro foram responsáveis por 39,2% do valor total vendido ao exterior, e, em dezembro de 2021, a participação alcançou 40,6%.

Exportações em 2021

As exportações do agronegócio brasileiro somaram valor recorde em 2021: US$ 120,59 bilhões (+19,7%). Somente os meses de janeiro e fevereiro deste ano não registraram recordes, explicados pela forte queda da quantidade exportada de soja em grão nesses meses, em virtude do baixo estoque de passagem em 2020, e do atraso no plantio da safra 2020/2021 (seca), com posterior atraso nas áreas de colheita em decorrência das chuvas.

A partir de março, a soja em grãos é exportada, influenciando no resultado total observado. O crescimento das exportações brasileiras do agronegócio ocorreu em função do aumento do índice de preços dos produtos (+21,2%), enquanto o volume embarcado se reduziu (-1,2%), conforme nota publicada pela secretaria.

Apesar do recorde nas exportações, as vendas externas de produtos do agronegócio representaram 43% das exportações brasileiras em 2021, participação 5,1 pontos percentuais inferior à verificada em 2020.

>> Nota à imprensa – dezembro 2021

>> Balança Comercial do Agronegócio resumida – dezembro 2021

>> AGROSTAT – Sistema de Estatísticas de Comercio Exterior do Agronegócio Brasileiro

 

 

Leia também

Conheça ‘Garibolt’, o coletor e atleta que é ágil no trabalho e nas pistas de corrida

Salta do caminhão, recolhe sacos de lixo, corre atrás do caminhão, sobe nele mais uma vez e segue...

Cinco jogadores já chegaram ao Santos de Barra de São Francisco para a Copa Norte

Cinco jogadores já chegaram a Barra de São Francisco, nesta terça feira (17), e se apresentam ao Santos...

Real Ariquemes encerra sequência de vices e leva título rondoniense

O Real Ariquemes é o 25º campeão estadual do futebol brasileiro em 2022. Neste domingo (15), o Furacão do Vale...

Secretaria de Obras e Urbanismo realiza serviço de calçamento e reparos de ruas no bairro Colina

A Prefeitura de Barra de São Francisco, através da Secretaria de Obras e Urbanismo, segue com o serviço...

INDICADORES: preço do café arábica sobe nesta quarta-feira (18)

A saca de 60 quilos do café arábica começou a quarta-feira (18) com alta de 0,02% no preço...

Produção de grãos na safra 2021/2022 pode chegar a 270,2 milhões de toneladas, projeta Conab

A produção de grãos no Brasil deve chegar a 270,2 milhões de toneladas para a safra 2021/22. É...