Ex morador de Santo Agostinho, Yuri Hesmidolfe é condenado a 60 anos e 4 meses de prisão

Compartilhe

Aconteceu na última segunda-feira (26/08/2019) no Fórum da Comarca de Mantena o júri popular de Yuri Hesmidolfe Seif Eddine, ele é ex morador de Santo Agostinho, distrito de Água Doce do Norte, onde residiu com a ex esposa e duas filhas.

Yuri foi julgado e condenado pelos homicídios de Edmar Santos Paula (Mázio Eletricista) e de Miriam Sabino, cunhada de Mázio. Eles morreram após um grave acidente ocorrido no dia 22 de abril de 2018.

O acidente aconteceu na saída de Mantena sentido a Governador Valadares na BR-381 próximo ao (Lagoas Bar). Na ocasião Yuri havia roubado uma camionete Ranger em Mantena – MG, de propriedade do Senhor Edinho da Contabilidade que no momento era conduzido por sua esposa Gislaine que ainda estava acompanhado do seu filho no Bairro Vila Nova. Yuri anunciou o assalto a mão armada e logo em seguida fugiu sentido a Governador Valadares, ao entrar em uma estrada de terra que da acesso ao distrito de Ariranha ele colidiu com um veículo Golf que era conduzido por Mázio que retornava para casa com sua família após um dia de lazer na casa de parentes, junto com Mázio Também estavam no veículo Marta Sabino Rodrigues (Martinha do Salão), esposa de Mázio e irmã de Miriam. Ela e duas crianças foram socorrida até o Pronto Socorro e conseguiram escapar com vida desse trágico acidente. Os ferimentos de Martinha não permitiram a ela se despedir do marido e da irmã no dia do sepultamento.

Durante o período em que esteve preso no presídio de Mantena, Yuri tentou duas fugas sem sucesso, ele já havia acumulado outras passagens na prisão devido ao envolvimento em outros crimes.

Durante o julgamento, familiares das vítimas compareceram ao júri vestido com camisas estampando fotos de Mázio e Miriam, e o pedido por justiça era óbvio no rosto de cada membro da família que se fazia presente no recinto.

No fim, a sentença foi pronunciada e Yuri foi condenado a 60 anos e 4 meses de prisão pelos seguintes crimes: 2 homicídios qualificados, 3 tentativas de homicídios qualificados e 1 roubo qualificado.

Os familiares das vítimas saíram aliviados com a decisão da justiça, mas a dor da saudade pela ausência de Mázio e Miriam serão eternas.

 

Fonte: Com informações do site Mantena News

Leia também

Presidente da Apam fala sobre projeto que busca urbanizar e embelezar rodovia entre Mantena e Barra de São Francisco

A presidente da Associação de Proteção Ambiental em Mantena (Apam), Mariene Pevidor, falou com a reportagem da Secom...

Brasileiros passaram mais tempo viajando em 2021, diz IBGE

O brasileiro viajou por mais tempo em 2021. De acordo com o levantamento PNAD Contínua Turismo 2020-2021, do...

1º Prêmio da Música Capixaba: veja os vencedores

  Os vencedores do 1º Prêmio da Música Capixaba foram conhecidos na noite desta quarta-feira (3) em uma grande...

Definidas ações de prioridade na criação do Polo de Irrigação do Sudoeste Paulista

Para atender as demandas de agricultores do estado de São Paulo, o Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), em...

Vitória: famílias acampadas em frente à prefeitura terão moradia provisória para deixar ocupação

  Ocupação em frente à Prefeitura de Vitória Depois de quase quatro meses de ocupação em frente à sede da...

Poste no bairro estrela corre risco de cair e moradores pedem providências

Um poste de energia elétrica, na Rua João Calmon, entre o bairro Estrela e o Vila Landinha, em...

Manato escolhe empresário do Comércio Exterior como candidato a vice

  O candidato ao Governo do Espírito Santo Carlos Manato (PL), segundo colocado nas pesquisas de opinião, vai concorrer...

Sebrae/ES vai financiar programa de iniciação científica na Ufes com foco no empreendedorismo

  Uma parceria entre o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Espírito Santo (Sebrae/ES) e a Universidade Federal...