EVASÃO ESCOLAR: Ajude no retorno seguro dos jovens amapaenses às escolas

Compartilhe

Para envolver comunidades e gestores municipais na retomada segura de crianças e adolescentes às aulas, o Instituto Peabiru, com o apoio da Unicef, preparou três spots para emissoras de rádio. Esses áudios estão finalizados e prontos para divulgação.

Neste conteúdo, você pode baixar o segundo spot, voltado para pais, mães e/ou responsáveis.

Amapá

 

No mês em que as escolas estão reabrindo suas portas para as atividades presenciais, a evasão e o abandono escolar ainda são fontes de preocupação para a gestão pública e sociedade civil. 

No Amapá, mais de 70 mil crianças e adolescentes, entre 6 e 17 anos, não frequentaram a escola em 2020. O número representa 36% desta população e colocou o Amapá como o segundo estado brasileiro com o maior percentual de exclusão escolar naquele período. 

Os dados são da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios durante a pandemia (PNAD covid). 

Respostas à evasão escolar 

O UNICEF<\/a> mobiliza gestores municipais e comunidades para adoção de medidas necessárias que garantam o direito á educação para todos através de uma campanha de comunicação iniciada pelas redes sociais agora por outro veículo de comunicação, as rádios.   

Desde o início da pandemia, tem contribuído na resposta à covid-19. Neste momento em que muitas escolas reabrem suas portas para um novo ano letivo, as ações do UNICEF e parceiros continuam, a fim de assegurar a manutenção de atividades essenciais de forma segura para crianças e adolescentes. 

Entre as iniciativas estão estratégias como o Selo UNICEF, com 16 municípios amapaenses participantes, e a Busca Ativa Escolar, que atuam como ferramentas para fortalecimento das ações realizadas pelos gestores e técnicos municipais. Além desse aparato tecnológico, doações de insumos que vão desde materiais de higiene a estações de lavagens das mãos, cursos e ferramentas de autoavaliação das condições de água, higiene e saneamento nas escolas e o incentivo à vacinação de funcionários e estudantes são distribuídos ou disponibilizados.

Instituto Peabiru

O Instituto Peabiru<\/a> é uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público – OSCIP, brasileira, fundada em 1998, que tem por missão fomentar o protagonismo de grupos sociais da Amazônia para a promoção do pleno acesso aos seus direitos fundamentais. Com sede em Belém, Estado do Pará, atua nacionalmente, especialmente no bioma Amazônia, com ênfase no Marajó, Nordeste Paraense e na Região Metropolitana de Belém (PA).

Foto: DivulgaçãoFoto: Divulgação

Leia também

Vereadores vão em busca de sinalização na BR 342, em frente ao Bar do Saci

  O presidente da Câmara Municipal de Nova Venécia, Delei da Borracharia (Solidariedade), e os vereadores, Zé Luiz do...

Alunos recebem Polícia Ambiental e conhecem animais empalhados

  A Prefeitura de Nova Venécia, por meio da Secretaria Municipal de Educação e do CMEITI  Maria Idalina Machado...

VAR será utilizado pela primeira vez no futebol capixaba, na final da Copa ES

  Além da briga pelo título e pela vaga na Copa do Brasil 2023, a final da Copa Espírito...

Dólar abre em alta nesta terça; risco de recessão preocupa investidores

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O dólar opera em alta nesta terça-feira (5), com investidores do mundo inteiro...

50 mil pessoas passaram pela Festa do Produtor Rural de Jaguaré

  Um grande público passou pela 29ª Festa do Produtor Rural de Jaguaré e pela 4ª Feira de Agronegócios,...

Barra de São Francisco atende 46 pacientes de hepatite

As hepatites virais são um grave problema de saúde pública no Brasil e no mundo. É uma infecção...

Conheça a história do código secreto deixado por Chico Xavier

MARCELO TOLEDO UBERABA, MG (FOLHAPRESS) - Uma senha deixada a três pessoas pelo médium Chico Xavier (1910-2002), cuja...