Estudantes do Ensino Médio visitam Bandes para aprender sobre mercado de trabalho

O projeto “Futuro do Trabalho” recebe, neste mês, mais 120 estudantes, na sede do Banco de Desenvolvimento do Espírito Santo (Bandes). A segunda rodada do projeto já começa nestas quarta-feira (22) e quinta-feira (23), com alunos da Escola Estadual de Ensino Médio (EEEM) Gomes Cardim. Na próxima semana, os estudantes da Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio (EEEFM) Major Alfredo Pedro Rabaioli também participam do projeto.

A ação é uma parceria entre o banco capixaba e a Associação Junior Achievement (JA), que apresenta aos jovens do Ensino Médio o impacto da 4ª Revolução Industrial. As primeiras turmas vieram ao banco no final de agosto, com cerca de 80 alunos da Escola Maria Ortiz. Os estudantes ficaram empolgados com os ensinamentos e ainda tiveram a oportunidade de conhecer os diretores e as instalações do banco.

Erika Gusmão, diretora executiva da Junior Achievement do Espírito Santo, contou qual foi o impacto que o projeto causou nas primeiras turmas. “O resultado foi incrível, não só em número, mas por meio de depoimentos que tivemos durante as aulas. É evidente o crescimento dos adolescentes com o programa. Ouvir de uma adolescente que chegou em casa ansiosa e já buscou saber sobre oportunidades em sua faixa escolar é muito empolgante, pois ela está buscando suas oportunidades. Que possamos continuar a engajar muitos outros jovens”, destacou.

Os encontros acontecem no Epicentro, hub de inovação do Bandes, em pequenos grupos, seguindo todas as regras e protocolos de segurança sanitária contra o novo Coronavírus (Covid-19). Os alunos recebem apoio de voluntários do banco e de instrutores da Associação Junior Achievement, na abordagem de temas sobre as habilidades socioemocionais para o mercado de trabalho do futuro, as chamadas “competências socioemocionais”.

As competências socioemocionais tratam de um conjunto de habilidades necessárias que desenvolvemos para lidar com emoções, durante os desafios cotidianos, em especial, no ambiente de trabalho.

Texto: Nayne Oliveira