Estudantes de Vila Pavão interagem com pesquisador marroquino

Compartilhe

O projeto é coordenado pelos professores Erivelton Pessin, Josué Merlin, Marluce Furtado e Marizete Andrade

 

No dia 26 de abril, estudantes da Escola Municipal Esther da Costa Santos e da Escola Estadual Ana Portela de Sá participaram de mais uma atividade integrada ao projeto Conexões que contou com a participação do jovem pesquisador marroquino Badre Bousalem.

Desenvolvido em parceria entre instituições de ensino de Vila Pavão e sob a coordenação dos professores Erivelton Pessin, Josué Merlin, Marluce Furtado e Marizete Andrade, o objetivo do programa é oportunizar aos alunos do ensino fundamental e médio o diálogo com diferentes culturas, assim como a possibilidade de explorar aspectos relacionados ao campo de especialidades do pesquisador convidado.

No encontro com o estudante de doutorado da Universidade Gustave Eiffel, os alunos do 9º ano trouxeram diferentes questionamentos como o modo de vida marroquino, a relação entre a vida política, religiosa e as principais práticas agrícolas desenvolvidas no país africano. Por sua vez, os estudantes da última série do Ensino Médio enfatizaram os limites e as possibilidades do uso das tecnologias nas diferentes esferas da vida humana.

Durante a entrevista, que ocorreu com a tradução simultânea do estudante mineiro Vinicius Fonseca, Bousalem destacou as riquezas culturais e históricas do Marrocos, apontando os principais pontos turísticos do país e, também, descreveu como aconteceram algumas cerimônias religiosas em seu país.

Em relação à inteligência artificial, sua área de exploração teórica, o pesquisador marroquino afirmou que o papel do desenvolvimento tecnológico é contribuir para qualificar as múltiplas atividades realizadas pelos seres humanos e operacionalizar, no futuro, ações de alto risco como as jornadas espaciais.

Ao término da entrevista Badre Bousalem parabenizou a iniciativa de alunos e professores, e colocou seu nome à disposição dos coordenadores do projeto para outras oportunidades de encontro.

O cronograma do projeto seguirá, neste mês, com a presença do professor Doutor Jonas António Francisco da Universidade UniRovuma de Moçambique.

Leia também

Aula Inaugural do Curso de Corte e Costura em Barro Preto será na segunda-feira, 16

O Senai vai iniciar o primeiro curso de Corte e Costura para 40 pessoas da Cooperativa das Costureiras...

Com 12 clubes definidos, Santos de Barra de São Francisco estreia na Copa Norte dia 28

A competição mais badalada do Espirito Santo, a 16º Copa Norte de futebol amador terá início dia 28...

Ação contra tráfico internacional de drogas apreende 283 kg de cocaína em dois países

  A força-tarefa de segurança pública do Espírito Santo finalizou uma ação de cooperação internacional com órgãos policiais estrangeiros...

Boa Esperança realiza Audiência Pública para discutir LDO 2023

  Visando a transparência nas contas públicas, a Prefeitura de Boa Esperança, através Secretaria Municipal de Fazenda, realizará Audiência...

Servidores seguem com reconstrução da passarela da Vila Landinha

A reconstrução da passarela sobre a ponte do bairro Vila Landinha, e por onde passa o rio Itaúnas,...