Estudantes convidam advogada para debate sobre abuso sexual contra crianças e adolescentes

O Centro Estadual de Ensino Médio em Tempo Integral (CEEMTI) Monsenhor Guilherme Schmitz, localizado em Aracruz, promoveu uma palestra via Google Meet, com o tema “Abuso sexual contra crianças e adolescentes”, em virtude ao Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, lembrado na próxima terça-feira (18).

Pensando na importância de debater o tema, os estudantes presidentes do Clube “Saúde Mental”, da 3ª série do Ensino Médio, convidaram uma advogada para um bate-papo sobre o assunto. A ação foi mediada pelas estudantes Karen Victória de Almeida Haraguth e Dâmaris Gama Rosa Sampaio.

A convidada para o debate foi a advogada Ana Paula Araújo, que durante o bate-papo, explicou o motivo do 18 de maio ser o Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.

“No dia 18 de maio de 1973, ocorreu o assassinato da menina Araceli Cabrera Crespo, de apenas 8 anos, em Vitória. O caso ficou conhecido nacionalmente e a data foi oficialmente formalizada com a Lei Federal nº 9.970/2000”, contou Ana Paula Araújo.

Durante a palestra, os estudantes participaram efetivamente, tirando dúvidas e expondo situações para a advogada, e todas foram prontamente respondidas por ela.

A aluna Nathani da Silva de Oliveira participou do bate-papo e disse: “acho muito importante uma palestra com esse tema no ambiente escolar, pois nos auxilia a conhecer nossos direitos e deveres, além de poder ajudar alguém que conhecemos, e que possa estar passando por essa situação e denunciar para os órgãos competentes.”

“A ação teve por objetivo auxiliar na formação integral do estudante, movimentando a Formação Para Vida, identificando os direitos e deveres da vida em sociedade”, disse o coordenador pedagógico Rogerio schwanz.

 Também fizeram parte da ação as professoras Carolina Martins Pereira, Romilda Nunes Sepulchro Laporti, e o professor Geliano Gardiman Herculano.


Leia mais

Leia também