“Estamos em risco, viajando sem necessidade, só pra atender vereadores”, diz motorista da saúde

Motoristas da Secretaria Municipal de Saúde de Barra de São Francisco estão inconformados em serem obrigados a continuar fazendo viagens sem urgência.

Vários motoristas procuraram o SiteBarra e relataram que muitas viagens que eles fazem não têm urgência para os pacientes e só são realizadas porque são pedidos de vereadores e a prefeitura está atendendo.

Nesse período, em que aumentou a preocupação com o Coronavírus, cerva de 25 motoristas querem deixar de fazer essas viagens, mas segundo eles, a prefeitura municipal os mantém viajando.

Por nós só continuariam as viagens urgentes, como as de hemodiálise, de pacientes que estão em tratamento de câncer ou outras enfermidades que exigem urgência. Tem viagens que podem ficar para depois, mesmo assim estamos tendo que ir“, disse um dos motoristas.

A principal preocupação, segundo eles, é que os motorista e também esses pacientes possam trazer o vírus para Barra de São Francisco.

Nós estamos em risco constante. Vamos em Vitória, São Mateus, Colatina, e e outras cidades com essas pessoas. Estamos em contato direto com o perigo. Sem a gente perceber a qualquer momento estamos trazendo o vírus para nosso município“, lamentou outro motorista.

No entanto, os motoristas temem se identificar, pois, segundo eles, no pavilhão, quem contraria acaba prejudicado.

Sabemos que tem gente que nem está em tratamento, mas que viajam assim mesmo. Infelizmente estamos sendo expostos. Já não estamos aguentando a pressão, o jeito é parar, porém muitos são contratados, se parar perde o emprego“, disse.

A prefeitura de Barra de São Francisco já cancelou as aulas na rede municipal, mas com relação aos funcionários da saúde ainda não divulgou nenhuma medida.

A feira livre, segundo o prefeito, continuará funcionando. Veja aqui

 

Leia mais

Leia também