Estados não podem obrigar escolas a reduzir mensalidade, decide STF

Compartilhe

Por 7 votos a 4, o Supremo derrubou leis do Ceará, Maranhão e Bahia que obrigavam escolas particulares a reduzir mensalidades durante a pandemia.

A maioria acompanhou Alexandre de Moraes, para quem os estados não têm competência para legislar sobre relações contratuais. A lei federal de combate à pandemia, observou o ministro, não prevê esse tipo de medida.

“A Lei estadual, ao estabelecer uma redução geral de preços fixados nos contratos para os serviços educacionais, fixou norma geral e abstrata para os contratos não fundada em ilicitude ou abusividade cometida pelos fornecedores”, escreveu no voto.

Leia também

Final do Perna de Pau promete ginásio lotado nesta quinta-feira (18)

Por Marcelo Gregório Nesta quinta feira (18), estará acontecendo a grande final do campeonato Perna de Pau 2022, às...

Farmácia da Gente recebe clientes com linda festa para comemorar 1º ano em Barra de São Francisco

A Farmácia da Gente completou nesta terça-feira, 16 de agosto, 1 ano em Barra de São Francisco. A equipe...

Prefeitura promove Copa Rural de Futebol Amador; fotos

Entre 13 de agosto a 26 de novembro, a Prefeitura de Barra de São Francisco, através da Secretaria...

Preso suspeito de assassinar companheiro da ex no Centro de São Domingos do Norte

A Delegacia de Polícia (DP) de São Domingos do Norte, em operação com a Polícia Militar, prendeu, nesta...

AMAZÔNIA: Linha de crédito oferece R$ 1 bilhão pelo Pronampe

Linha de crédito do Banco da Amazônia (Basa) oferece R$ 1 bilhão em recursos para micro e pequenas...

5G: maior impacto inicial será na indústria

O impacto mais imediato do 5G no Brasil será sentido pela indústria. É o que afirmam os representantes...

Propaganda eleitoral: veja o que pode e o que não pode ser feito durante a campanha de acordo com o TRE-ES

O período de campanha eleitoral começa oficialmente nesta terça-feira (16) e, para orientar políticos e eleitores sobre o...

Covid-19: média móvel de casos cai mais de 35% nos últimos 14 dias

Nas últimas duas semanas, o Brasil registrou queda de mais de 35% na média móvel de casos de...