Estado inaugura nova Central de Regulação do SAMU 192 na Serra

Foto: Hélio Filho/Secom

O governador do Estado, Renato Casagrande, inaugurou, nesta quinta-feira (20), a nova Central de Regulação do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU 192) do Espírito Santo. A mudança foi necessária devido à expansão do SAMU 192 em todo o Estado. Hoje, o serviço está presente em 56 municípios, representando uma cobertura de 87% da população capixaba. Por dia, a Central de Regulação recebe mais de 1.300 chamados oriundos da população.

“É muito bom estarmos aqui na Serra, que é uma cidade que lidera o Espírito Santo. A grandiosidade dessa unidade é compatível com a importância da cidade. O SAMU 192 está presente em quase 90% da população capixaba. Essa Central de Regulação representa o que é salvar vidas. Estamos vivendo uma hora muito difícil, com medidas que afetam muitas pessoas e nem todos entendem. O que estamos fazendo nos últimos meses é um trabalho que está dando resultado, como os investimentos em hospitais próprios. Estruturar o SAMU é salvar vidas dos capixabas. Vamos ampliar esse trabalho com essa estrutura que estamos entregando”, afirmou o governador.

Atualmente, a equipe da Central de Regulação é composta por médicos socorristas, técnicos auxiliares de regulação médica, rádio operadores, enfermeiros e condutores de veículos. Além disso, o local possui ampla área de desinfecção das ambulâncias e equipamentos, refeitório, dormitório, oficina de manutenção dos carros e Núcleo de Educação Permanente.

Para o secretário de Estado da Saúde, Nésio Fernandes, o investimento realizado nas atividades e estruturas do SAMU 192 é fundamental para salvar vidas e garantir assistência à população em casos de urgência e emergência. “Estruturas adequadas, equipes capacitadas, equipamentos de primeira linha geram benefícios na ponta, com o cidadão atendido no tempo de resposta adequado, sempre com o objetivo de preservar a vida”, comentou.

O prefeito da Serra, Sérgio Vidigal, que é médico, destacou a importância do trabalho dos profissionais de saúde. “Quero parabenizá-los, em especial, os profissionais do SAMU que dedicam sua vida por uma vida. Essa instituição representa muito para a população e digo que não é apenas SAMU 192, mas sim ‘Esperança 192’. É uma escolha muito boa essa base ser aqui na Serra. É uma honra para a cidade receber essa instituição e esses equipamentos que atendem a todo o Estado. Desejo sucesso a todos e parabéns governador pelo seu trabalho e empenho”, disse.

Também estiveram presentes na solenidade, o secretário-chefe da Casa Militar, coronel Aguiar; o comandante-geral do Corpo de Bombeiros, coronel Alexandre Cerqueira; os prefeitos André Sampaio (Montanha) e Paulo Minetti (Venda Nova do Imigrante); os deputados estaduais Bruno Lamas e Alexandre Xambinho; a diretora presidente da Imprensa Oficial do Espírito Santo, Madalena Santana; a provedora da Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de Vitória, Maria da Penha Rodrigues D”Avila; o superintendente da Polícia Rodoviária Federal no Estado, Amarílio Boni; além de vereadores, secretários municipais e lideranças comunitárias.

SAMU para Todos

O programa Estadual SAMU para Todos foi instituído pelo Governo do Estado em 2019, por meio do decreto N° 4548-R. O objetivo é garantir assistência pré-hospitalar móvel de urgência para 100% da população capixaba.

Atualmente, o serviço está presente em 56 municípios do Estado, representando uma cobertura populacional de aproximadamente 87%. Para atender a demanda em tempo oportuno, são 86 unidades móveis de atendimento, sendo 66 Unidades de Suporte Básico e 20 Unidades de Suporte Avançado.

O subsecretário de Estado de Regulação, Controle e Avaliação em Saúde, Gleikson Barbosa dos Santos, destaca que, ao final da expansão, serão mais de 100 ambulâncias do SAMU 192. “Esse projeto é um fortalecimento da Rede de Urgência e Emergência em nosso Estado, com o objetivo que o paciente seja atendido de forma rápida e seja encaminhado para o hospital especializado de acordo com sua necessidade. Ao final da expansão, teremos 81 Unidades de Suporte Básico e 22 Unidades de Suporte Avançado, totalizando 103 ambulâncias exclusivas do SAMU 192”, explicou.

Quando acionar o SAMU 192

Saber como e quando acionar o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência contribui para que ele possa cumprir sua função principal, que é prestar socorro à população em casos de risco à vida. Ao acionar o serviço, é preciso que a pessoa esteja ao lado do paciente para que seja garantido um atendimento ágil e adequado à situação. Em alguns casos, o acompanhante mesmo pode iniciar o atendimento com orientação do médico regulador até que o socorro chegue ao local.

O SAMU 192 realiza atendimento pré-hospitalar com prioridade para casos de risco à vida, por isso as pessoas não devem passar trotes nem ocupar as linhas telefônicas para solicitar atendimentos que não tenham esse foco.

Acione o serviço em casos de:

– Parada cardiorrespiratória;
– Dor forte no peito (infarto);
– Dificuldade de respirar/engasgo;
– Suspeita de acidente vascular cerebral (derrame);
– Intoxicação (envenenamento);
– Queimadura grave;
– Choque elétrico;
– Acidente de trânsito com vítima;
– Queda grave e fratura;
– Afogamento;
– Surto psiquiátrico;
– Ferimento causado por arma de fogo ou arma branca.


Leia mais

Leia também