Espírito Santo registra madrugada mais fria do ano

A madrugada desta quinta-feira (28) foi a mais fria do ano no Espírito Santo. É o que comprovou um levantamento feito pela Coordenação de Meteorologia do Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper).

A temperatura mais baixa do Estado foi registrada no distrito de Aracê, município de Domingos Martins, onde os termômetros chegaram a 3,4 °C. Até então, o dia 10 de maio tinha sido o mais frio do ano na localidade, quando foram registrados 5,8 °C.

Em vários outros municípios capixabas, esta foi a madrugada mais fria do ano, conforme dados das estações meteorológicas do Incaper e do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). Confira:

Vila Velha 14,1 °C
Domingos Martins (Aracê) 3,4 °C
Venda Nova do Imigrante 7,3 °C
Santa Teresa  9,1 °C
Cachoeiro de Itapemirim (Pacotuba) 11,0 °C
Iúna 5,2 °C
Linhares 15,7 °C
São Mateus 15,7 °C
Nova Venécia 12,2 °C
Marilandia 12,3 °C
Ecoporanga 12,1 °C
Pinheiros 13,7 °C

Em Vitória, a madrugada de quarta-feira (27) foi a mais fria: 15 °C. Nesta quinta, a mínima registrada na capital capixaba foi de 16 °C.

O coordenador de Meteorologia do Incaper, Hugo Ramos, explica o frio. “A atuação da massa de ar de origem polar pelo centro-sul do Brasil mantém as temperaturas amenas no Espírito Santo. Além do frio, ainda hoje ela deverá provocar queda significativa nos índices de Umidade Relativa do Ar em alguns trechos das regiões norte e noroeste, com índices ficando abaixo dos 30%. A tendência para os próximos dias é de tempo aberto e aumento das temperaturas pelo Estado, sem expectativa de chuva, por enquanto”, disse o meteorologista do Incaper.

Sobre o inverno

O inverno no hemisfério sul começa no dia 20 de junho, às 18h43. De acordo com Hugo Ramos, neste ano, as condições de tempo associadas a esta estação deverão ocorrer normalmente. “Este frio ainda no mês de maio é apenas um aperitivo do inverno. É claro que o frio impressiona bastante porque passamos por um período de estiagem (2014-2017), em que as massas de ar de origem polar não avançavam em direção ao Estado, mantendo as temperaturas elevadas para esta época por vários anos consecutivos. Porém, ainda – pois temos que aguardar a discussão climática –  não há nenhuma tendência de comportamento anormal da estação. O que ocorre é que voltaremos a ter um comportamento do inverno normalizado”, afirmou o meteorologista do Incaper.

Ainda segundo a Coordenação de Meteorologia do Incaper, no Espírito Santo, os meses que compreendem o período do inverno são os mais secos e frios do ano. O principal sistema meteorológico de atuação são as frentes frias, acompanhadas de massas de ar polar mais intensas que nas demais épocas do ano. Quando passam, essas massas de ar provocam a diminuição das temperaturas.

Para mais informações, acesse: meteorologia.incaper.es.gov.br

Atenção

As baixas temperaturas têm levado muitos capixabas à região de montanhas do Espírito Santo. Entretanto, é importante destacar que o momento é de distanciamento social para evitar a disseminação do novo Coronavírus. Só saia de casa se for estritamente necessário, use máscara e mantenha os hábitos de higiene. Na impossibilidade de lavar as mãos com água e sabão, use álcool 70%. Faça a sua parte.

 

Texto: Juliana Esteves

Leia mais

Sedurb avança na autuação on-line de processos

A Secretaria de Saneamento, Habitação e Desenvolvimento Urbano (Sedurb) registrou, no final de junho, um grande...

Com forte candidato de centro-direita, Uruguai pode ter “mudança de rota”

No último domingo, a população uruguaia foi às urnas para escolher quais candidatos concorreriam por cada partido político. De acordo com os resultados oficiais,...

Prefeitura proíbe circulação de pessoas na praia de Guriri nos feriados de setembro

  A Prefeitura de São Mateus, no Norte do Espírito Santo, proibiu a circulação e a permanência de pessoas na praia de Guriri nos próximos...

QUEM NÃO TOMA TARJA PRETA?

  Outro dia estava eu atuando como acusador no Tribunal do Júri e veio o advogado com a tese de que o réu era absolutamente...

Leia também

Ministério do Desenvolvimento Regional abre consulta para elaboração Carta Brasileira sobre Cidades Inteligentes

Até 7 de novembro, o Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) abre uma consulta pública para a elaboração dos objetivos estratégicos e das recomendações que...

LRF proíbe gestor de assumir despesas sem caixa suficiente

Diante da crise causada pela pandemia da Covid-19, o Congresso Nacional se viu obrigado a criar um socorro a estados e municípios para minimizar...

Usuários frequentes do SUS avaliam melhor os serviços de Atenção Primária à Saúde

Quem utiliza o Sistema Único de Saúde (SUS) com maior frequência avalia mais positivamente a qualidade dos serviços prestados na área de Atenção Primária...

Demora para escolher presidente da CMO atrasa votação de R$ 27,2 bilhões em créditos adicionais

A demora na Câmara dos Deputados para escolher o novo presidente da Comissão Mista de Orçamento (CMO) pode causar um certo impacto na economia...