Espírito Santo receberá 15 pacientes de Rondônia para tratamento contra a Covid-19

De acordo com a Secretaria de Estado de Saúde (Sesa), os 15 pacientes chegarão ao ES ao longo deste domingo (7).

Pacientes de Rondônia serão levados para o Hospital Jayme Santos Neves, na Serra, ES.

Pacientes de Rondônia serão levados para o Hospital Jayme Santos Neves, na Serra, ES.

Após receber 36 pacientes de Manaus, capital do Amazonas, o Espírito Santo também receberá outros 15 pacientes vindos do estado de Rondônia, no Norte do Brasil, para a realização do tratamento contra a Covid-19.

De acordo com informações da Secretaria de Estado de Saúde do Espírito Santo (Sesa), todos os 15 pacientes deverão chegar ao estado ao longo deste domingo em diferentes voos. No entanto, o horário de apenas um deles foi confirmado até o momento. Trata-se de uma paciente, que deverá pousar em solo capixaba no início desta tarde.

A medida foi anunciada pelo governador Renato Casagrande em suas redes sociais. “Vamos receber na nossa estrutura de saúde 15 pacientes de Rondônia para tratamento da Covid. Nosso objetivo é salvar vidas e o ES está sendo solidário em um momento de dificuldades de outros estados. Sempre que for possível, o Espírito Santo estenderá as mãos para cuidar de quem mais precisa”, disse o governador.

Após a chegada ao Aeroporto de Vitória, os pacientes serão encaminhados em ambulâncias para o Hospital Estadual Dr. Jayme Santos Neves, na Serra. Este é o mesmo hospital onde os pacientes de Manaus foram atendidos.

De acordo com a Sesa, as transferências serão feitas por meio do serviço de UTI Aérea, contratado pelo Governo do Estado de Rondônia. O processo de regulação acontece em parceria entre as Secretarias de Saúde dos estados.

O secretário estadual de Saúde, Nésio Fernandes, também se manifestou sobre o assunto.

“O Sistema Único de Saúde se organiza e se mobiliza para responder a esta grave crise sanitária que vivenciamos. Temos plenas condições de receber estes pacientes sem comprometer a garantia do acesso dos capixabas aos leitos Covid. Há 14 dias registramos no Estado uma queda da ocupação hospitalar. Estamos há uma semana com menos de 500 pacientes/dia internados”.

Segundo a Sesa, todos os pacientes ficarão em leitos de UTI, passarão por avaliação médica e ficarão em setor separado, inclusive dos pacientes de Manaus. O Serviço de Assistência Social estará em constante monitoramento da evolução do quadro clínico, com apresentação de boletins diários, que serão por telefone e webconferência.


Leia mais

Leia também