Espírito Santo investiga caso suspeito de reinfecção por coronavírus

A informação foi divulgada pelo secretário Nésio Fernandes durante uma coletiva de imprensa na manhã desta terça-feira (11).

A Secretaria de Estado da Saúde do Espírito Santo (Sesa) disse que está investigando um caso suspeito de reinfecção por coronavírus. A informação foi divulgada pelo secretário, Nésio Fernandes, durante uma coletiva de imprensa, na manhã desta terça-feira (11).

De acordo com ele, o Estado tem conhecimento de 21 pacientes que tiveram dois resultados positivos para o teste do novo coronavírus em um intervalo superior a 30 dias.

Desses, quatro já foram investigados, sendo que três foram descartados e um teve resultado ‘inconclusivo’. Os outros 17 não puderam ser investigados porque não havia material biológico suficiente.

“Não foi possível fazer investigação, pois não tinham amostras biológicas da primeira coleta. Como o fenômeno da reinfecção é um fenômeno novo, ele exige critérios muito rígidos de comparação e retestagem para poder, de fato, confirmar a reinfecção”, disse.

Por causa disso, segundo Nésio, um novo protocolo será adotado quando pacientes deixarem os hospitais.

“Diante da necessidade de ter parâmetros mais claros, estamos determinando um protocolo que irá coletar o swab [teste feito com haste semelhante a cotonete] na alta de todos os pacientes hospitalizados no Espírito Santo”, disse Nésio.

 

Leia mais

Leia também