Esforço coletivo faz parte da prevenção da dengue no Espírito Santo

Com o aumento no número de casos de dengue no Espírito Santo, a população precisa entender que é parte fundamental no processo de combate ao mosquito Aedes aegypti, devendo colaborar no combate à proliferação dos focos do mosquito, intensificando os cuidados dentro de casa.

Mesmo com a chegada do outono, o hábito de observar locais que podem acumular água precisa ser mantido. Os vasos de plantas devem sempre conter areia para não acumular água. Também é preciso atenção e cuidado com ralos, baldes, brinquedos, piscinas e quaisquer outros objetos que possam acumular água.

 

Veja aqui o 13º boletim da dengue.

 

Veja aqui o 13º boletim de zika.

 

Veja aqui o 13º boletim chikungunya.

 

 

Como se prevenir:

– Limpar o quintal, jogando fora o que não é utilizado;

– Tirar água dos pratos de plantas;

– Colocar garrafas vazias de cabeça para baixo;

– Tampar tonéis, depósitos de água, caixas d’água e qualquer tipo de recipiente que possa reservar água;

– Manter os quintais bem varridos, eliminando recipientes que possam acumular água, como tampinha de garrafa, folhas e sacolas plásticas;

– Escovar bem as bordas dos recipientes (vasilha de água e comida de animais, pratos de plantas, tonéis e caixas d’água) e mantê-los sempre limpos.

 

 

Leia mais

Leia também