Escritores venecianos lançam livro de poemas

Há alguns anos, quatro amigos se reuniram para dar início à realização de um sonho: dar publicidade a diversos textos escritos em casa, por eles mesmos. E em meio a tanto caos causado pela pandemia da Covid-19, o sonho se tornou realidade. A informação é de Jhon Martins, da Rede Notícia.

No fim de abril, Paulo Ferrareis, Rafael Martins, Mariane Pessin e Dienison Cardoso lançaram o livro Poemas e Pontes. A antologia reúne textos de estilos variados, em quatro capítulos, compostos pelo quarteto, residente em Nova Venécia.

Segundo Dienison Cardoso, um dos participantes do projeto, a proposta principal do livro era a liberdade de sentimentos. “Os poemas tratam de questões emocionais, seja dor, amor, desejo e também são reflexões sobre a realidade que nos cercam ou, até mesmo, a que poetas contemporâneos criam”, disse.

A oportunidade de lançar o livro veio com a Lei de Incentivo à Cultura e, sem ela, de acordo com Dienison, nada seria possível. Foram impressos 340 exemplares. “Não estávamos conseguindo concluir a ideia, fomos sonhando e nesse ano, foi possível. Uma pena não que não tivemos a oportunidade de realizar um evento de lançamento em função da pandemia”, falou.

Além dos quatro amigos, outro morador de Nova Venécia tem presença marcada no livro: a ilustração da capa é de autoria de Yuri Schneider. “Ela segue a mesma de liberdade, onde os poemas são as pontes que levam os sentimentos um dia enclausurados”, disse Dienison.

Presença marcante na cultura capixaba, o artista e produtor cultural, Armando Mecenas, foi o responsável pelo prefácio.

O livro foi publicado pela editora Fontenele Publicações e todas as bibliotecas públicas de Nova Venécia estão recebendo exemplares. Além disso, a antologia está à venda através do e-mail [email protected], custando R$ 20 cada.