Escola estadual produz o jornal trimestral ‘A voz do Emílio’

A Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio (EEEFM) Fazenda Emílio Schroeder, de Santa Maria de Jetibá, produz o jornal escolar “A voz do Emílio”. O objetivo da atividade é possibilitar a prática de leitura e escrita, com foco no ensino-aprendizagem de vocabulário, pontuação, gramática, além da compreensão da finalidade e estrutura dos gêneros textuais.

Essa é uma das ações organizadas pela escola a fim de melhorar o rendimento dos estudantes e visa também à redução das desigualdades de aprendizagem, conforme plano de ação da escola.

Coordenada pela área de linguagens, os alunos, ao estudarem os diferentes gêneros textuais, organizam suas produções para publicação no jornal, que tem edições trimestrais. O jornal é uma prática que teve início em 2019 e, mesmo diante das dificuldades, principalmente decorrentes da pandemia, a escola busca formas de não deixar de produzi-lo. Todas as turmas e demais profissionais da escola são convidados a publicar suas práticas e trabalhos produzidos.

No fim de cada trimestre, a coordenadora pedagógica Janete Pires Beilke, que até fim de abril atuava como professora de Língua Portuguesa na escola, reúne os textos a serem publicados, faz a diagramação e envia para a impressão, que é feita na própria unidade escolar.

As edições são entregues às famílias, juntamente com as Atividades Pedagógicas Não Presenciais (APNPs) e também são disponibilizadas nos grupos de WhatsApp em formato PDF. “Percebe-se a alegria e o orgulho sentidos pelo estudante ao ver um texto de sua autoria ultrapassando as paredes da sala de aula e chegando a outros leitores, além dos professores”, disse a coordenadora Janete Pires Beilke.