ES: suspeito de matar jovem já foi preso 22 vezes em menos de 4 anos

Compartilhe

Os dois suspeitos de envolvimento na morte do jovem Jhordyuri Almeida, de 19 anos, foram presos pela polícia nesta quinta-feira (03). O crime aconteceu na última quarta-feira (02), no bairro Santa Mônica. Um dos presos tem 18 anos e 22 passagens pela Justiça.

A ficha criminal de um dos detidos chamou a atenção da polícia. O secretário de Segurança Pública do Espírito Santo, Alexandre Ramalho, disse que ele já foi preso mais de 20 vezes em menos de quatro anos.

“Ambos ligados diretamente a questão do tráfico. O que nos chama ainda mais a atenção, e gostaríamos de compartilhar isso com a sociedade: para mostrar nossa dificuldade: um desses indivíduos tem 22 ocorrências, quer ser apreendido pela Guarda Municipal, pela Polícia Militar ou Civil. Tem 18 anos e desde 2018 nós contabilizamos isso. É difícil fazer segurança pública em um país que não mantém preso. Ele tem cinco processos: tráfico de arma, tráfico de entorpecente, porte ilegal de arma de fogo e, agora, homicídio”, disse.

Segundo o delegado Tarik Souki, responsável pelo caso, os dois presos participaram da morte de Jhordyuri Almeida, de 19 anos. Testemunhas contaram que o rapaz e o tio caminhavam pela rua, quando foram surpreendidos pelos criminosos. As investigações tiveram início logo após o homicídio. Os dois presos foram encontrados em uma casa perto do local do crime.

“Logo após o homicídio iniciamos as investigações. Na manhã do dia 3 já fizemos os primeiros levantamentos. Durante todo o dia produzimos provas testemunhais e conseguimos concluir que foram quatro indivíduos que participaram do crime. Fomos até o local e prendemos esse indivíduo”, disse.

De acordo com os investigadores, Jhordyuri não tinha envolvimento com o tráfico de drogas. Ele e o tio teriam sido alvo dos suspeitos apenas por serem moradores do bairro Santa Mônica.

“Ele era um jovem cheio de sonhos, trabalhador, mecânico e que não tinha envolvimento com o tráfico. Chegamos a conclusão de que eles estavam indo até o local para atirar no primeiro indivíduo que passasse pela rua. Infelizmente, foi esse jovem”, contou o delegado.

A execução de Jhordyuri foi registrada por câmeras de segurança. Na gravação, o rapaz aparece na calçada ao lado do tio. Os dois sofreram o primeiro disparo ao se aproximarem da esquina.

As imagens mostram, ainda, os bandidos descarregando a arma com o rapaz já caído. Após o crime, os suspeitos fugiram. O delegado explicou que mensagens encontradas nos celulares dos suspeitos comprovam que o atentado foi planejado.

Guerra pelo tráfico de drogas

Desde o começo de fevereiro deste ano, os bairros de Santa Mônica e Ibes estão em guerra pela disputa pelo domínio do tráfico de drogas. No mês passado, duas mortes foram registradas em Santa Mônica e uma no Ibes.

De acordo com o delegado, a violência das últimas semanas está ligada à soltura do chefe do tráfico do Ibes. O homem, identificado como Luan Rezende Buarque, foi preso em junho do ano passado no Rio de Janeiro. Em dezembro, Luan saiu da cadeia determinado a recuperar o poder no tráfico.

Luan Rezende não está sozinho na jornada. O suspeito, segundo a polícia, conta com o apoio de Vitor Caldeira Santos, o “VK”; Pablo Domingos Carreira, o “Bandidinho”; Gabriel de Andrade Sena, vulgo “Bolacha”; e Rodrigo de Almeida Santiago; conhecido como “RDG”. Todos eles estão sendo procurados pela polícia.

Além da liderança no tráfico, Luan Rezende tem na ficha criminal um homicídio bárbaro, cometido contra um adolescente de apenas 12 anos.

O clima de medo nas duas regiões atinge os moradores, que constantemente recebem áudios com ameaças feitas pelos bandidos. Em busca de mudar o cenário de terror, ações policias estão sendo desenvolvidas com o reforço do efetivo policial nos bairros.

Fonte: Folhavitoria

Suspeito de matar jovem em Vila Velha já foi preso 22 vezes em menos de 4 anos

Leia também

NORDESTE: Defesa Civil Nacional reconhece situação de emergência em mais 14 cidades

O Governo Federal, por meio do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), reconheceu, nesta segunda-feira (23), a situação de...

Em três anos, Governo Federal entregou 4,2 mil obras de infraestrutura esportiva

O Governo Federal atingiu neste mês a marca de 4,2 mil obras de infraestrutura esportiva concluídas, de norte...

LEITE HUMANO: Saúde lança campanha para aumentar em 5% número de doações

Para incentivar o aumento das doações e abastecer os estoques dos bancos de leite humano em todo Brasil,...

Fora da Globo, Michelle Barros fará conteúdo nas redes

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - "Eu já não estava feliz", diz ao F5 a jornalista Michelle Barros, 42,...

Mulher é assassinada a facada pelo companheiro em Colatina

Uma mulher de 33 anos, identificada como Analine Francisco foi brutalmente assassinada a facada pelo companheiro dela, um...

DESASTRES: Defesa Civil participa de evento global para debater redução de riscos

A Defesa Civil Nacional vai participar, a partir da próxima segunda-feira, 23 de maio, da 7ª sessão da...

Em meio à crise, Flamengo encara Goiás neste sábado pelo Brasileiro

Após uma semana turbulenta, o Flamengo recebe o Goiás na tarde deste sábado (21) no Maracanã, pela sétima...