ES Solidário já entregou 60 toneladas de doações de donativos e fortalece atendimento à população no interior

O ES Solidário fortaleceu as entregas de cestas básicas, arrecadadas através do programa, no interior do Estado nesta semana. Foram feitos repasses a famílias de Afonso Cláudio, Água Doce do Norte, Cachoeiro de Itapemirim, Ibitirama, Itapemirim, Laranja da Terra, Marechal Floriano, Mucurici, Muqui e Ponto Belo. Desde o início do programa, já foram feitas entregas de 60 toneladas de donativos.

Todas as entregas são organizadas através das demandas recebidas pela Secretaria de Direitos Humanos (SEDH), que coordena o ES Solidário. Solicitações são feitas por municípios, mas também por coletivos, associações, igrejas que têm ações sociais, que fazem com que os donativos cheguem às famílias em situação de pobreza e extrema pobreza. O apoio na logística das entregas é feito pelo Corpo de Bombeiros.

Em Água Doce do Norte foram entregues 300 cestas básicas à Assistência Social do município na última segunda-feira (04). Já em Ibitirama, foram entregues 225 cestas na Apae e no Centro de Referência da Assistência Social (Cras) da cidade na terça-feira (05).

Nesta quarta-feira (06), em Laranja da Terra, foi realizada a entrega de 110 cestas básicas na Apae da cidade e também em uma associação de agricultores. Em Afonso Cláudio foi atendida à demanda de 20 cestas na Apae.

Instituições de Cachoeiro de Itapemirim, Muqui e Itapemirim receberam donativos na quinta-feira (07). No total, foram entregues 241 cestas básicas. Já nesta sexta-feira (08), assentamentos de Ponto Belo e Mucurici receberam 280 cestas básicas, sendo 140 cada.

Também foram realizadas entregas de fraldas geriátricas em instituições de Aracruz, Marechal Floriano, Muqui e Viana.

Essa variação nas doações de donativos, que não se concentram somente em cestas básicas, foi destacada pela secretária de Estado de Direitos Humanos, Nara Borgo.

“O ES Solidário vem crescendo ao longo dos dias. Temos recebido vários tipos de doação, além das cestas básicas, como kits de higiene, fraldas geriátricas, máscaras, álcool. Isso faz com que a gente atinja o maior número de pessoas, mas também pessoas que estão apresentando necessidades específicas nessa época de pandemia”, disse a secretária.

ES Solidário em números

Desde o início do programa, já foram arrecadadas e distribuídas doações de 6.065 cestas básicas, 3.327 kits de higiene e limpeza, além de 259 pacotes de fraldas geriátricas. No total, até o momento, famílias de 27 cidades do Espírito Santo foram atendidas pelo ES Solidário.

A secretária agradeceu as doações e destacou o valor da boa ação nesta época de pandemia do novo Coronavírus (Covid-19).

“A nossa gratidão ao povo capixaba pela solidariedade e pela empatia. Precisamos dessa ajuda porque apesar de todos os esforços do Governo, de todo o investimento feito, organizar essas doações e fazer com que elas cheguem às pessoas que mais precisam faz com que a gente passe por esse período tão difícil de uma maneira mais fraterna. É isso que o ES Solidário vem nos mostrando: o poder de mobilização e solidariedade da sociedade capixaba em fazer com que as pessoas tenham um pouco mais de dignidade nesse momento tão difícil”, declarou Nara Borgo.

Como doar

As cestas básicas, kits de higiene pessoal e de limpeza podem ser entregues em uma das 17 bases operacionais do Corpo de Bombeiros em todo o Estado ou nas unidades de Defesa Civil nos municípios. É possível também fazer doações em dinheiro por meio de Documento Único de Arrecadação (DUA) ou depósito em conta bancária do Governo do Estado, além da doação de serviços comuns, bens móveis ou imóveis, licenças de softwares e o comodato a favor de órgãos e entidades da Administração Pública Estadual, enquanto perdurar o Estado de Emergência em Saúde Pública. 

Saiba mais informações sobre como doar em: https://coronavirus.es.gov.br/ESsolidario

Leia mais

Veículo capota ao tentar desviar de motocicleta em Nova Venécia

O acidente acorreu, manhã do último sábado (19), próximo a entrada para Nova Verona, na rodovia que liga Nova Venécia e São Mateus Segundo informação...

Saúde investe R$ 369 milhões para reforçar identificação de casos de Covid-19

Rastreamento da cadeia de transmissão da Covid-19 ajudará os serviços de saúde a combater a propagação da doença. Foto: Banco de imagens O Ministério da...

“Municípios estão se recusando a testar população contra a Covid-19 com medo do impacto eleitoral”, diz secretário de Saúde da Bahia

O secretário de Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas, declarou que apesar de o Governo do Estado oferecer testes para Covid-19, inclusive do tipo RT-PCR,...

Sedu divulga programação da 5ª semana das videoaulas pela TV

A Secretaria da Educação (Sedu) informa que a programação das videoaulas da quinta semana do EscoLAR...

Leia também

Ministério do Desenvolvimento Regional abre consulta para elaboração Carta Brasileira sobre Cidades Inteligentes

Até 7 de novembro, o Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) abre uma consulta pública para a elaboração dos objetivos estratégicos e das recomendações que...

LRF proíbe gestor de assumir despesas sem caixa suficiente

Diante da crise causada pela pandemia da Covid-19, o Congresso Nacional se viu obrigado a criar um socorro a estados e municípios para minimizar...

Usuários frequentes do SUS avaliam melhor os serviços de Atenção Primária à Saúde

Quem utiliza o Sistema Único de Saúde (SUS) com maior frequência avalia mais positivamente a qualidade dos serviços prestados na área de Atenção Primária...

Demora para escolher presidente da CMO atrasa votação de R$ 27,2 bilhões em créditos adicionais

A demora na Câmara dos Deputados para escolher o novo presidente da Comissão Mista de Orçamento (CMO) pode causar um certo impacto na economia...