ES: paciente com suspeita de Coronavírus morre em acidente ao ser transferida de ambulância

 

Paciente de 64 anos morreu em acidente com ambulância, no ES — Foto: TV Gazeta

Uma mulher de 64 anos morreu e outras três pessoas ficaram feridas em um acidente envolvendo uma ambulância, um caminhão e uma carreta na BR-101, em Mimoso do Sul, no Espírito Santo. A informação é do jornalista Leandro Manhães, do G1 ES e TV Gazeta.

Segundo o motorista da carreta, a ambulância fazia o contorno em um trevo, altura do km 448. Ao entrar na rodovia, ela foi atingida pelo caminhão baú.

Na ambulância, estavam quatro pessoas: o motorista, um médico e uma enfermeira, que foram socorridos, e uma paciente, que não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

A vítima foi identificada como Ângela Maria dos Santos. Ela estava internada no Hospital Apóstolo Pedro, em Mimoso do Sul, com suspeita de Covid-19.

De acordo com a Vigilância Sanitária, a paciente foi submetida a um teste rápido, que deu negativo. Entretanto, os sintomas se agravaram e a equipe médica colheu outro exame, o swab, cujo resultado ainda não saiu.

Nesta terça-feira, ela estava sendo transferida para a Santa Casa de Misericórdia de Cachoeiro de Itapemirim (SCCI), que é uma das unidades referência no atendimento a casos suspeitos do novo coronavírus, quando aconteceu o acidente.

Com o impacto da batida, o step da ambulância se soltou e atingiu a carreta, que seguia no sentido contrário. “A ambulância rodou, tombou, a calota veio na minha direção”, disse o motorista.

O motorista do caminhão carregado de alho disse que não conseguiu parar quando a ambulância atravessou a pista. Ele seguia para o distrito de Santo Eduardo, em Campos dos Goytacazes, no Rio de Janeiro.

O trânsito na rodovia ficou parcialmente interditado por 40 minutos no sentido Vitória para o socorro das vítimas.

Trânsito ficou interditado para o socorro das vítimas — Foto: TV Gazeta

Trânsito ficou interditado para o socorro das vítimas — Foto: TV Gazeta

Leia mais

Leia também