ES: mulher e amante são presos e confessam ter matado marido dela

Policiais militares prenderam nesta terça-feira (27) uma mulher e um homem acusados de matar o marido dela, Alexandre Fim, na madrugada do último domingo (25), na região de Monte Alverne, zona rural de Castelo, interior do Espírito Santo.

Desde o dia do crime o caso estava sendo tratado como um suposto latrocínio mas com a investigação policiais militares do Serviço Reservado e da 3ª Companhia do 9º Batalhão de Cachoeiro de Itapemirim descobriram que a mulher da vítima, Thayla Bonicenha Crivelari Fim, contou a um familiar ter cometido o homicídio juntamente com o amante, Françoá de Souza.

Com essa informação fornecida pelo familiar da mulher foram expedidos os mandados de prisão temporários para Thayla e Françoá.

Françoá confessou aos policiais militares que mantinha uma relação com a mulher há alguns meses, mesmo sabendo que ela era casada, e há cerca de um mês eles planejaram matar o marido dela.

Disse ainda que no dia do assassinato eles teriam combinado por telefone todos os detalhes.

A mulher contou que depois de mandar mensagem para o amante e pedir que ele fosse até sua casa abraçou o marido, segurando seus braços, enquanto o comparsa o estrangulava.

Após o crime, ela acionou a Polícia Militar e disse se tratar de um latrocínio. Também mentiu dizendo que teria sido trancada em seu quarto e o carro e outros pertences tinham sido roubados pelos supostos criminosos.

Já o amante disse aos policiais que o material escondido para forjar o latrocínio estava no forro de gesso da casa da vítima.

No local foram encontrados uma motosserra, um aspirador de pó, uma bomba de pressão de água, uma roçadeira e uma televisão.

O homem e a mulher foram encaminhados para a 7ª Delegacia Regional de Cachoeiro de Itapemirim.

Thayla e o marido Alexandre Fim no dia do casamento — Foto: Reprodução/Rede social

Thayla e o marido Alexandre Fim no dia do casamento — Foto: Reprodução/Rede social