Ernesto Araújo diz que serviu de inspiração para protestos anti-Cuba e vira piada nas redes


O ex-chanceler do governo de Jair Bolsonaro Ernesto Araújo virou motivo de piada nas redes sociais na manhã desta segunda-feira (12). Segundo o discípulo de Olavo de Caralho, ele serviu de inspiração para os protestos anti-Cuba que visam desestabilizar o governo local. 

Em uma série de postagens, Ernesto disse que “quando estive à frente do MRE, a diplomacia brasileira entrou em ação contra todo o esquema do criminal-socialismo latino-americano, a poderosa rede formada pelo narcotráfico, terrorismo, crime organizado, corrupção e certas correntes políticas”. 

“Talvez essa pressão e essa nossa atitude de dar um basta ao projeto criminal-socialista, denunciando-o e deslegitimando-o, em articulação com outros países democráticos, tenha contribuído em alguma medida para o movimento popular que irrompeu hoje em Cuba contra a ditadura”, completou Araújo.

 

Internautas não perderam tempo e ridicularizam a fala do ex-chanceler. 

Veja a repercussão: 

 

 

 

 

 

 

(Foto: Valter Campanato/ABR)

Leia mais

Leia também