Enivaldo propõe Bolsa Reciclagem para catadores durante calamidade

Enivaldo dos Anjos, deputado estadual

Por meio de projeto de lei autorizativo protocolado nesta terça-feira (24), o deputado estadual Enivaldo dos Anjos, líder do PSD, pretende que o Governo do Estado utilize recursos do Fundo Estadual de Combate e Erradicação da Pobreza para pagar uma bolsa de 50% do salário mínimo para catadores de materiais recicláveis do Estado do Espírito Santo e/ou suas organizações.

O pagamento da Bolsa Reciclagem ocorreria durante a vigência do estado de emergência ou de calamidade que impedisse a atividade da categoria, como é o caso presente com o isolamento social determinado pelo Governo para conter o avanço do novo coronavírus, causador da doença Covid-19, que virou uma pandemia e tem previsão de alto impacto por pelo menos três meses.

“O dinheiro público vem do povo e a ele deve retornar. É sabido por todos os meios que os catadores de recicláveis dependem de sua atividade para sobreviver e já são muito mal pagos, porque a maior receita do negócio de material reciclável fica com os atravessadores, que vendem 90% do que recebem dos catadores e com ganhos de mais de 150%”, disse Enivaldo.

De acordo com o parlamentar, “o auxílio e o fomento a que se refere esta lei devem ser considerados emergenciais, tanto sob o aspecto da segurança alimentar, quanto do estímulo à economia local, enquanto prevalecer o estado de emergência ou calamidade”.

O deputado disse também que vai tentar junto aos seus pares que o projeto tramite em regime de urgência para ser aprovado na sequência à votação dos projetos enviados pelo Governo ao Legislativo com vistas a decretar estado de calamidade no Estado. A sessão de apreciação das mensagens do Executivo será feita online na próxima sexta-feira (27), às 10 horas da manhã.

Leia mais

Pedagoga de Barra de São Francisco participa do programa ‘Falando de Filhos’

Hoje – segunda-feira (27), às 20h, a Pedagoga da Secretaria Municipal de Educação (SEMEC), Delma do Carmo Ker e Aguiar, participará do programa ‘Falando...

Foragido é preso em Guarapari com carros de luxo e quase R$ 300 mil em dinheiro

Um foragido da Justiça do Rio de Janeiro...

União quita R$ 1,26 bi em dívidas não pagas por estados e municípios

Em junho, a União já pagou R$ 1,263 bilhão em dívidas que estados e municípios não conseguiram pagar, segundo relatório do Tesouro Nacional. Isso...

Cartilha com informações do sistema financeiro para migrantes e refugiados é atualizada

O Ministério da Justiça e Segurança Pública contribuiu para atualização, juntamente com a Agência da ONU para Refugiados...

Leia também

“Caminho longo pela frente”: panorama mostra participação do setor privado no saneamento básico brasileiro

Não é só a Covid-19 que entra na lista de doenças que se agravaram em diversas partes do Brasil por falta de saneamento básico....

Ao reduzir burocracia, novo marco legal pode acelerar liberação de testes clínicos em humanos

A pandemia do novo coronavírus e a corrida pelo desenvolvimento de novos medicamentos e vacinas reacenderam o debate sobre os processos burocráticos que envolvem...

Qualidade da merenda escolar depende de ações pontuais das prefeituras, afirma presidente da Undime

Em entrevista exclusiva ao Brasil 61, o presidente da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime), Luiz Miguel Martins Garcia, afirmou que a...

Espírito Santo chega a 2.666 mortes e 74.568 curados em 88.543 casos de Coronavírus

O Espírito Santo registrou, até esta quinta-feira (6), 2.666 mortes por Covid-19. O número de casos confirmados chegou a 88.543. O índice de letalidade...