Encontro discutirá desafios de residenciais geriátricos privados frente à Covid-19

Avançar na promoção de direitos para idosos brasileiros é uma das preocupações do Governo Federal, e fazê-lo por meio de diálogos constantes com a sociedade é um dos caminhos escolhidos, no caso pela Secretaria Nacional de Promoção e Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa (SNDPI), do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH).

Por isso, o secretário Nacional de Promoção dos Direitos da Pessoa Idosa, Antônio Costa, será um dos participantes do Fórum Nacional das ILPIs (Instituições de Longa Permanência para Idosos) Privadas, que ocorre no dia 16 de abril, em formato virtual.

Promovido pelo Núcleo de Residenciais Geriátricos do Sindicato dos Hospitais e Clínicas de Porto Alegre (SINDIHOSPA), o evento reunirá especialistas nacionais para debater os principais desafios que a Covid-19 trouxe para a população atendida pelas ILPIs: idosos, muitas vezes com comorbidades, com maiores riscos de agravamento caso contraiam a doença.

Na pauta do encontro, assuntos como fiscalização, legislação, rotinas e manejo dos residentes, marketing e novos tipos de moradia. Após o evento, será lançada a Carta de Porto Alegre, com reivindicações ao Executivo e Legislativo por avanços no setor.

Números

Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) indicam que, em 2030, o número de brasileiros com 60 anos ou mais será superior ao de jovens entre zero e 14 anos. Um quadro que exige cada vez mais atenção da sociedade e do poder público para oferecer serviços e políticas de qualidade à população idosa.

Acesse a programação completa e mais informações sobre o Fórum Nacional das ILPIs Privadas

 

Leia mais

Leia também