Empresas terão R$ 5 bilhões do Programa Emergencial de Acesso ao Crédito

No início desta semana o Governo Federal liberou a primeira parcela de R$ 5 bilhões que corresponde ao Programa Emergencial de Acesso ao Crédito na modalidade de garantia de recebíveis, conhecido como Peac-Maquininhas. O programa foi instituído pela Lei Nº 14.042, de 19 de agosto deste ano, com o objetivo de facilitar o acesso a crédito e, também, para preservar agentes econômicos e proteção de empregos e da renda, por conta dos impactos decorrentes da pandemia da Covid-19.

A expectativa da Peac-Maquininhas é facilitar o acesso ao crédito pelos microempreendedores individuais (MEI), pelas microempresas e empresas de pequeno porte, ou seja, empresas com faturamento bruto igual ou inferior a 4,8 milhões de reais e que são responsáveis por parcela significativa da geração de emprego no país.

Ao todo, o governo deve disponibilizar pelo programa R$ 10 bilhões de recursos da União, a serem liberados em duas parcelas iguais de R$ 5 bilhões, o que segundo o presidente da República, Jair Bolsonaro, é uma das últimas estratégias do governo para fortalecer a economia ainda este ano.

“[Essa medida] leva meios para que o crédito esteja disponível para a classe trabalhadora do Brasil. Isso nos ajuda a dar um grande passo e, talvez, essa seja uma das últimas medidas do governo para que possamos voltar à normalidade no Brasil”, afirmou Bolsonaro.

De acordo com um levantamento feito pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), entre os meses de março e julho, cerca de 54% dos pequenos negócios buscaram crédito, entretanto aproximadamente somente 21% deles conseguiram obter recursos nesse período. O índice de sucesso nessa busca foi somente de 11%, percentual que foi elevando à medida que os efeitos da doença sobre a economia foram sendo conhecidos. Assim, as empresas tiveram que se adaptar ao cenário, repensar planejamentos e atuações, sobretudo com maior inserção no ambiente virtual, acelerando a transformação digital.

Outro dado levantado pelo Sebrae foi o de que até o final de agosto, quando foi sancionada a Peac-Maquininhas, 2% das empresas havia solicitado esse tipo de empréstimo, 47% não sabiam dessa opção, 15% sabiam dessa opção mas não tinham a máquina de cartão e 36% sabiam, mas não solicitaram esse tipo de empréstimo.

CNI e especialistas voltam a defender reforma tributária ampla e geral e criticam “nova CPMF”

Governo Federal anuncia nova proposta para substituir o Auxílio Emergencial

Por isso, de acordo com o analista Técnico da Unidade de Capitalização e Serviços Financeiros do Sebrae Nacional, Giovanni Beviláqua, essa medida está sendo importante para o setor, pois “vem a atender um conjunto de micro empresas e empresas de pequeno porte e, também, microempreendedores individuais que não tem histórico de operações de crédito junto a instituições financeiras como, por exemplo, bancos, mas já realizam operações utilizando como meio de pagamento as maquininhas. Isso dificultava bastante o acesso ao crédito, pois um dos fatores restritivos para os pequenos negócios para acessar o crédito é exatamente a falta de histórico”, explicou.

Quem tiver direito ao Peac-Maquininhas pode solicitar operação de crédito em qualquer canal de atendimento das instituições financeiras habilitadas a participar do programa. A lista completa das instituições financeiras habilitadas ao Peac está disponível no site do Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES), que é o agente financeiro do programa. O endereço é www.bndes.gov.br/

Foto: Energepic.com (Pexels)

Leia mais

Ministério da Agricultura divulga lista de produtos do Pronaf com bônus de desconto

O Ministério da Agricultura divulgou a relação dos produtos agrícolas que terão um bônus de desconto, em outubro, a agentes financeiros operadores do Programa...

FESTIVAL DE GRAMADO: Filme “Pacarrete” é engraçado, emociona e é favorito para categorias de melhor filme e melhor atriz

Ao final da primeira cena de “Pacarrete”, o público vibrou e aplaudiu a beleza da atuação de Marcélia Cartaxo. O filme, que teve sua...

O FIM DE SEMANA NA MANSÃO DOS MEUS SONHOS

A família Guerra esta radicada em Mantenópolis desde o inicio do século passado. Vitalino Guerra ali chegou e aprofundou raízes, local onde permaneceu até...

Plataforma permite que empresas antecipem crédito de contratos com o governo federal

O Ministério da Economia lançou uma plataforma para que instituições financeiras possam antecipar recursos a empresas provedoras do governo federal. Por meio do AntecipaGov,...

Leia também

MG: Crea apresenta propostas de engenharia, agronomia e geociências para candidatos nas eleições municipais

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea) de Minas Gerais apresentou uma carta de propostas de geociências, agronomia e engenharia aos candidatos ao...

BA: UPB afirma que competência de fiscalizar servidor que recebe auxílio é da União

A Coordenação Jurídica da União dos Municípios da Bahia (UPB) decidiu que os municípios não possuem competência, nem aparato técnico para o controle do...

Governo estuda transformar fundos de desenvolvimento regional em fundos de natureza privada

O Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) estuda transformar Fundos de Desenvolvimento Regional do Norte, do Nordeste e do Centro-Oeste em fundos de natureza privada....

RN: Secretaria do estado orienta unidades de saúde a investigarem possíveis casos de reinfecção por Covid-19

A Secretaria de estado de Saúde Pública do Rio Grande do Norte solicitou, por meio de nota técnica, que as unidades de saúde acompanhem...